Diretor Jurídico da Câmara de Rio Grande da Serra alimenta a oposição e põe sua credibilidade em xeque

O assessor Jurídico da Câmara de Rio Grande da Serra, Wagner Rubinelli causou um mal estar entre a base aliada do governo Gabriel Maranhão. O advogado que tem relação pessoal com um blogueiro de oposição, deu conselhos jurídicos ao mesmo e disponibilizou a gravação de vídeo de uma sessão ordinária de maneira voluntariosa e sem o cumprimento de exigências para que o jornalista publicasse algo contra um vereador da base.

A atitude gerou revolta entre vereadores e interlocutores do governo que viu “má fé” e “fogo amigo” por parte de Rubinelli – que tem como prerrogativa do cargo defender a Câmara como instituição.

Wagner Rubinelli abriu mão do profissionalismo e da ética em prol de ter matérias positivas no blog, afinal seu projeto de pré-candidato a prefeito de Mauá em 2020 precisa de publicidade na imprensa.

O advogado que tem o maior salário da cidade, abaixo dos secretários, com rendimentos de  R$8.244,43, pisou numa sai justa por fazer parte de uma gestão governista e ajudar a oposição a bater na base de sustentação do prefeito, Gabriel Maranhão.

Por fim, Rubinelli tentando aliviar a sua imagem após colocar a sua credibilidade em xeque, exigiu de seu aliado jornalista que fosse retirado o vídeo (que ele mesmo entregou) e que a postagem com críticas também fosse eliminada das redes. O futuro do pré-candidato a prefeito de Mauá e assessor jurídico da Câmara de Rio Grande pode estar por um fio.

Deixe uma resposta