Processo em que Kiko é acusado por desvio de R$ 45 milhões é apurado nos estados de MG e RJ

Órgão de outros estados foram oficiados pela justiça paulista em caso onde Kiko é acusado de desviar R$ 45.779.272,40 da saúde de Rio Grande da Serra

O processo ao qual o ex-prefeito de Rio Grande da Serra, Kiko Teixeira é acusado pela justiça de ter desviado R$ 45.779.272,40 da saúde transcende os limites da cidade e do estado de São Paulo.

Consta ao longo do processo que fora aberto no ano de 2010 que a justiça paulista encaminhou ofícios aos estados de Minas Gerais e Rio de Janeiro.

Foram direcionados ofício ao DETRAN-RJ e também ao DETRAN-RJ.

Em dezembro do mesmo ano, a Justiça de São Paulo encaminhou ofício para Secretaria de Estado da Casa Civil do Governo do Rio de Janeiro bem como consulta foi feita junto ao 10º ofício do registro de imóveis  e ao 3º ofício de registro de Títulos e Documentos do estado do Rio de Janeiro.

Em São Paulo foram oficiados judicialmente:

O 6º Oficial de Registro de Imóveis – por três vezes

O 14º Oficial de Registro de imóveis da Capital

O 11º Ofício de Registro de Imóveis

Para ler mais, clique aqui. Abaixo o documento disponível na página do Tribunal de Justiça de São Paulo

Deixe uma resposta