“Em setembro de 2019 eu já cobrava a convocação para a Frente de Trabalho”, diz Amigão D’orto

O vereador Amigão D’orto (PTC) entrou em contato com a redação do Repórter ABC e disse que a prefeitura está mal administrada e que houve tempo para a convocação dos aprovados para Frente de Trabalho. Print de matéria foi encaminhada.

“Na sessão ordinária do dia 19/09/2019, questionei o Poder Executivo sobre a demora para a contratação das pessoas que ficaram horas na fila para a oportunidade de emprego na chamada frente de trabalho”, disse o parlamentar. Se hoje essas pessoas passam por essa frustração é por pura irresponsabilidade deste governo”, disse no diálogo.

Conforme publicado em 9 de outubro de 2019 (ver aqui), o parlamentar, através do Requerimento nº 1008/2019, questionou:

  1. Qual a quantidade de trabalhadores selecionados para a Frente de Trabalho;
  2. Qual a data em que serão contratados;
  3. Quando se dará o início dos trabalhos desse projeto e porque a demora nas contratações?”

Em resposta, o governo Kiko Teixeira respondeu:

  1. Que o Edital final que determina a classificação do “Programa Emergencial de Auxílio-Desemprego”, denominado “Frente de Trabalho” não foi publicado. portanto não há total de inscritos selecionados
  2. Não há previsão de convocação.
  3. Não há previsão e ocorre demora por conta de trâmites administrativos.

Lamento muito que isso esteja acontecendo, mas posso afirmar que não foi por falta de aviso e cobrança“, concluiu Amigão D’orto.

Deixe uma resposta