Bahia: 20% dos funcionários de prefeituras tem baixa ou nenhuma escolaridade

Pelo menos 10.396 funcionários de prefeituras baianas são analfabetos ou semianalfabetos, em empregos diretos (o que exclui funcionários informais e terceirizados), é o que demonstra pesquisa do IBGE. Se somados com os que têm até o nível fundamental, representam cerca de 20% do total de funcionários de prefeituras baianas.  A maioria ocupa cargos modestos, mas tem até secretário de educação nesse bolo. “Essa situação tem muito a ver com o tamanho dos municípios. Muitas cidades pequenas contratam sem concurso público, apenas por proximidade política”, explica Joilson Rodrigues de Souza, coordenador de disseminação de informações do IBGE. (Da Redação com IBGE)

You can leave a response, or trackback from your own site.

Leave a Reply