Barreiras: Serviço de custódia de presos é mantido até janeiro

O serviço de custódia dos mais de 100 presos que se encontram no Complexo Policial de Barreiras está mantido pelos policiais civis até o dia 3 de janeiro de 2013. A categoria pretendia entregar a tarefa no dia 3 de dezembro, mas decidiu, em assembléia na manhã de ontem (10), ponderar o pedido do juiz criminal Gabriel de Moraes Gomes e manter os trabalhos prestados até o início do próximo ano. Representantes da comunidade, organizados na Comissão de Segurança e Paz de Barreiras, aguardam a visita do secretário estadual de Administração Penitenciária e Ressocialização, Nestor Duarte, para discutir a construção de um presídio regional, cujo projeto se arrasta há mais de 10 anos.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.