Category Archives: Economia

No mundo real, indústria corta, famílias sofrem com carestia e crianças ficam sem vacina

A situação do país é tão dramática que o mundo da economia e da vida real das pessoas começa a furar a narrativa da grande mídia que inventou um “conto de fadas” do golpe, desfeito em um verdadeiro pesadelo nacional. As manchetes desta terça dos três jornalões que promoveram o golpe de Estado em 2016 são sintomáticas. Elas admitem que o golpe arruinou a economia das empresas, as contas das famílias e, ainda mais dramaticamente, está sacrificando a vida de bebês e crianças pobres.

As manchetes a seguir. Estado de S.Paulo: “Com PIB baixo e incertezas, indústria corta investimentos”. O Globo: “Energia sobe 33% contra inflação de 19%”. Folha de S.Paulo: “Vacinação de bebês e crianças tem menor alcance em 16 anos”.

A reportagem do “Estadão” faz um esforço pra culpar os caminhoneiros pelo fracasso da política econômica do golpe, mas é desmentida pelas pesquisas que ela própria divulga, pois a trava nas empresas já acontecia antes da greve. Relatam as repórteres Márcia de Chiara e Cleide Silva:

“Duas pesquisas revelam que, nas últimas semanas, os empresários ficaram receosos em prosseguir com investimentos que gerassem aumento de produção, diante de uma ociosidade entre 25% e 30% nas fábricas. Na semana passada, a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) cortou a projeção de investimento do setor para este ano. Em março, a expectativa, baseada na consulta a 442 empresas, era de que seria investido 1,2% mais do que em 2017. Agora, a estimativa é de queda de 0,4% ou R$ 503 milhões a menos. Com isso, o aporte total deve ser de R$ 117,3 bilhões. ‘O grande problema foi a redução da projeção do PIB e a greve’, afirma o presidente em exercício da Fiesp, José Ricardo Roriz Coelho.

Outra pesquisa mostra que os empresários da indústria começaram a segurar os investimentos antes mesmo da greve. O Indicador de Intenção de Investimentos da Indústria do segundo trimestre, apurado pelo Instituto Brasileiro de Economia (Ibre) da FGV com cerca de 700 empresas em abril e maio, caiu 7,6 pontos em relação ao primeiro trimestre. O resultado é quase o mesmo do fim de 2017 e está abaixo da média registrada antes da recessão de 2014. ‘É um sinal preocupante porque 95% das indústrias foram consultadas antes da greve, que adicionou mais incertezas’, diz o superintendente de Estatísticas Públicas da FGV/Ibre, Aloisio Campelo Jr.. Se a apuração tivesse ocorrido na época da greve, ele acredita que o resultado seria pior.”

Leia aqui a íntegra da reportagem do Estado de S.Paulo.

Depois da retirada de impostos sobre o diesel, vereador Amigão D’orto sugere baixar passagem de ônibus em Ribeirão

Durante a apresentação do requerimento, o vereador Amigão D’orto justificou a proposta utilizando-se dos mesmos argumentos que as empresas do transporte coletivo usam quando cobram aumento do preço da passagem de ônibus: a variação no preço do diesel

Diante da redução em R$ 0,46 do preço do diesel feita pelo Governo Federal, após a greve dos caminhoneiros, o vereador Amigão D’orto (PTC), apresentou na Câmara de Municipal de Ribeirão Pires, nessa quinta-feira (14), um requerimento propondo a redução no preço da passagem de ônibus no município.

Protocolado no mesmo dia e apresentado em plenário pelo parlamentar, o texto solicita ao executivo, a redução do valor da tarifa do serviço de transporte coletivo municipal em caso de diminuição dos valores do óleo diesel pela frota de ônibus no município de Ribeirão Pires.

Durante a apresentação, D’orto justificou a proposta utilizando-se dos mesmos argumentos que as empresas do transporte coletivo usam quando cobram aumento do preço da passagem de ônibus: a variação no preço do diesel.

“Se a Prefeitura dá a autorização para o aumento no preço da passagem e, nas planilhas, o principal componente é o valor do diesel, agora com a redução em R$ 0,46 o valor deve permanecer o mesmo? Por quê?”, questiona.

A argumentação é coerente. A empresa Rigras, que administra o transporte público na cidade, vai ter um aumento significativo na margem de lucro, e essa diferença deve ser repassada ao usuário do serviço. Se é uma concessionária de serviço público e tem esse ganho, é indispensável que ela passe aos munícipes e usuários. Luís Carlos Nunes.

Domingo (10), tem bike-protesto contra Porto Seco em Paranapiacaba

Ciclistas denominados Massa Crítica, organizam para este domingo (10), um ato contra a instalação de um Porto Seco na região de Paranapiacaba. A concentração está marcada para às 09 horas no trecho de Rio Grande da Serra. Clique aqui e acompanhe a página do movimento, no Facebook.

Abaixo a íntegra do manifesto dos ativista do movimento Massa Crítica.

Estamos organizando um evento ciclístico em defesa de Paranapiacaba. A ideia é fazer um bike-protesto no dia 10 de junho, contra o “Porto Seco” que querem construir lá.

Para quem não sabe, uma empresa está com planos de erguer um centro logístico no alto da serra. A estimativa é que devastem uma área do tamanho de 90 campos de futebol, levando centenas de caminhões por dia para aquela região.

Sabemos que muitos ciclistas de toda grande São Paulo costumam pedalar em Paranapiacaba e pensando nisso, estamos mobilizando geral para que participem desta pedalada em defesa de Paranapiacaba e da Mata Atlântica.

A Massa Crítica partirá do trevo de Rio grande da Serra com destino a parte alta da vila.

SOS PARANAPIACABA – PORTO SECO, NÃO!

DIGA NÃO AO CENTRO LOGÍSTICO CAMPO GRANDE!

Santuário da Mata Atlântica, a Vila Histórica de Paranapiacaba, localizada no município de Santo André, na Região Metropolitana de São Paulo, pede SOCORRO!!!

A área afetada faz limites ou influência direta à três Unidades de Conservação públicas, uma delas entre as mais antigas do Brasil: a Reserva Biológica do Alto da Serra de Paranapiacaba, a outra, o Parque Estadual da Serra do Mar, que pode ser considerada uma “máquina natural paulista de produção de água” e outros serviços ecossitêmicos: sequestro de Carbono, redução de calor, prevenção de enchentes, e outra o Parque Natural Municipal Nascentes de Paranapiacaba. Todas abrigam incríveis espécies de fauna e flora, dentre elas mais de 23 espécies em algum grau de ameaça de extinção.

Essas Unidades de Conservação são Zonas Núcleo da Reserva da Biosfera do Cinturão Verde da Cidade de São Paulo e da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica, reconhecidas pelo Programa MaB Unesco.

O projeto, para a implantação do Centro Logístico Campo Grande, empreendimento desenvolvido pela Fazenda Campo Grande, já se encontra iniciado (em ritmo acelerado) e precisa ser SUSPENSO IMEDIATAMENTE!

Trata-se de um projeto de negativo impacto social, ambiental, econômico e cultural, impactando áreas de grande potencial turístico e outras formas desenvolvimento sustentável como criação de abelhas nativas, sistemas agroflorestais, observação de aves, pesquisa e educação, etc, pretende ocupar 91 hectares (equivalente a 91 campos de futebol) desmatando áreas de florestas em estágio inicial e médio de sucessão, ocupando várzeas e campos antrópicos, estes últimos apesar de terem sido impactados no passado, ainda prestam serviços à fauna e sociedade e podem ter usos menos impactantes.

Estudos realizados na área, apontam mais de 20 espécies (peixes, serpentes, anfíbios e mamíferos) ameaçadas de extinção, um número ainda maior (48 aves) é composto por espécies altamente sensíveis à alterações e degradações ambientais. O próprio EIA-RIMA aponta que estudos foram feitos nos períodos frios, portanto feitos nas estações primavera e verão apontariam resultados mais ricos.

Não foram considerados no EIA-RIMA os morcegos, as aranhas e opiliões (possivelmente sensíveis às alterações ambientais), as minhocas e os insetos, enquanto a região tem uma espécie de borboleta (Actinote zikani) criticamente em perigo. Todos exercem papéis fundamentais no ecossistema.

O tráfego de potentes e pesados caminhões, que irá afogar e destruir estradas dos municípios ao redor, Rio Grande da Serra e Ribeirão Pires, aumentará também o número de acidentes com outros veículos (como ocorriam inclusive vítimas fatais anos atrás), poluição atmosférica e congestionamentos. Irá estimular a também a construção de um viaduto, pode aumentar a violência local, já que poderá estimular roubo de cargas em rodovias.

Outro fato é a ocupação irregular que acontecerá no local ou imediações após a implantação deste projeto, pois devido à grande circulação de caminhões, logo aparecerão… Borracharias, bares, casas noturnas, etc, e com isso o aumento do tráfico de drogas e drogadição, prostituição, crimes ambientais, entre outros.

A falsa promessa de geração de emprego, renda e aumento da massa salarial, está dada com o objetivo de dividir a população local, porém sabemos que esses tais empregos não irão beneficiar os moradores da vila de Paranapiacaba, pois a promessa de renda-fixa afasta-os da cultura de desenvolvimento sustentável, são empregos de salários mínimos e com grande flutuação, pois os galpões serão alugados, portanto empresas logísticas podem montar e desmontar galpões conforme as crises ou demandas do mercado, contratando e demitindo os trabalhadores, reduzindo perspectivas de futuro.

A obra gerará impacto à beleza do local, com entornos tombados pelo Condephaat (Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Artístico e Arqueológico e Turístico do Estado de São Paulo), Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional), são décadas de trabalhos de tombamento e aprimoramento do turismo sustentável, mais de 100 anos de conservação da biodiversidade na Reserva Biológica do Alto da Serra, 40 anos de conservação do Parque Estadual da Serra do Mar ameaçados.

Lembrem-se dos “acidentes” ambientais e sociais que tem ocorrido, no passado eles foram aprovados com o discurso de sustentáveis.

Não vamos deixar a nossa vila morrer!

Vereador Amaury participa de encontro sobre Cidades Inteligentes em Belo Horizonte

O vereador Amaury Dias (PV), participou nesta terça-feira (05) e quarta-feira (06), do Encontro Regional Sudeste Connected Smart Cities em Belo Horizonte, capital de Minas Gerais.

O evento que aconteceu no Auditório da Prefeitura Municipal de Belo Horizonte, reuniu especialistas em Smart Cities (Cidades Inteligentes), representantes de entidades e autoridades que debateram indicadores de desenvolvimento, no Ranking Connected Smart Cities, das cidades de Belo Horizonte, São Paulo/SP, Campinas/SP, Rio de Janeiro/RJ e Vitória/ES.

“Uma Cidade Inteligente é aquela que cresce de forma planejada por meio do desenvolvimento de projetos urbanos integrados sustentáveis, que utilizam novas tecnologias e inovação, procurando encontrar soluções inteligentes para os problemas que afetam a cidade e a qualidade de vida de seus cidadãos, proporcionando uma cidade com mais qualidade de vida, mais moderna e, consequentemente, mais inteligente, humana e sustentável”, avaliou Amaury Dias.

O parlamentar Amaury, acompanhado pelos demais participante do encontro, participou de visita a pontos com iluminação já modernizada.

“Foi uma grande experiência uma vez que a Iluminação Pública, tem grande importância por ter como objetivo, prover claridade de estradas, avenidas, ruas, calçadas, dispositivos públicos de acessibilidade e praças públicas. De acordo com a Constituição Federal, compete aos municípios organizar e prestar diretamente esse serviço através de concessão ou permissão. Pude ver uma Parceria Público Privada muito exitosa, o que possibilitou em Belo Horizonte, uma gestão eficiente dos serviços de iluminação pública sob diferentes aspectos: Aumento da qualidade do serviço de iluminação pública, cumprimento correto das normas de iluminação pública; Investimento realizado pelo setor privado, mantendo os recursos públicos disponíveis para outros setores, operação e manutenção realizada por empresas especializadas, elevando a qualidade e reduzindo os custos, agilidade e presteza nos serviços, oferecendo o pronto atendimento para os chamados de manutenção do parque de Iluminação Pública, redução do consumo de energia do município e a melhoria na segurança pública e qualidade de vida da população”, concluiu.

No encontro, também foram debatidos temas como: Mobilidade e Acessibilidade, Tecnologia e Inovação, Empreendedorismo, Meio ambiente, Governança, Urbanismo, Segurança, Economia, Educação, Energia e Saúde.

Quem disse ao Parente que um aumento por dia na gasolina era bacana?

Vem aí mais aumento na conta de luz.

A bandeira tarifária para a conta de luz no mês de junho será vermelha (patamar 2) com custo de R$ 5 a cada 100 kWh (quilowatts-hora) consumidos. A informação foi divulgada na tarde da última sexta-feira (25) pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). De acordo com a agência, com o fim do período úmido, os reservatórios do Sul apresentaram redução de volume provocando o aumento do risco hidrológico e o preço da energia no mercado de curto prazo.

Além disso, segundo a Aneel, a previsão de chuvas é baixa quando comparada à média histórica. O GSF e o PLD são as duas variáveis que determinam a cor da bandeira a ser acionada.

Será a primeira vez neste ano que a bandeira vermelha 2, a mais cara desse sistema, é aplicada. Neste mês de maio está vigorando a bandeira tarifária amarela na conta de energia.

Combustível chega em Ribeirão e motoristas correm para postos. Situação pode se agravar com anúncio de greve dos petroleiros.

Alguns postos de Ribeirão Pires voltaram a receber combustível nesta terça-feira (29). Receosos com o desabastecimento, diversos motoristas correram aos estabelecimentos, formando filas gigantescas.

Em um posto na avenida Capitão José Galo, no centro da cidade, um carregamento de gasolina chegou pela manhã. Em outra unidade concorrente ao lado, a gasolina também voltou a estar disponível.

Nos locais foram formadas filas enormes de carros, motocicletas e populares a pé com os seus conhecidos galões de cinco litros.

Perguntamos a um senhor que acabava de abastecer o seu veículo com 20 litros (limite máximo fornecido), o mesmo informou que chegou ao local por volta da 10:20 da manhã e que as 07 horas valeram muito a pena mesmo tendo pago R$ 5,699 por cada litro.

Na avenida Francisco Monteiro, em um posto próximo a Pista de Skate, a fila de carros dobrava quarteirões.

Situação semelhante, foi verificada em um Posto de combustíveis na avenida Francisco Monteiro, esquina com a Eugênio Roncon. No estabelecimento, fervilhava de motorista ansiosos por abastecer seu veículos e motos com o líquido precioso. Não faltaram os populares galões, onde os seus possuidores aguardavam por horas para enche-los.

Seguindo pela mesma via, um pouco a frente do cemitério municipal, um grande congestionamento se formou com condutores aguardando para chegar ao próximo posto onde a movimentação era intensa.

Petroleiros anunciam greve a partir de quarta-feira, 30 de maio

Devido à rapidez dos acontecimentos, acelerados e lançados nacionalmente com a greve dos caminhoneiros, a direção da FUP se reuniu no sábado, 26, e definiu pela realização de uma paralisação de 72 horas a partir desta quarta-feira, dia 30.

Segundo o coordenador da FUP, José Maria Rangel, “esta greve se faz necessária para denunciar a política irresponsável de Pedro Parente, que está sucateando as nossas refinarias”.

A greve, que acontece a partir da zero hora da quarta-feira, pretende pressionar o governo para baixar os preços do gás de cozinha e dos combustíveis, contra a privatização da empresa e pela saída imediata de Pedro Parente, que, com o aval do governo Michel Temer, mergulhou o país numa crise sem precedentes.

Nesta segunda-feira, os petroleiros da Replan de Paulínea e da Recap em Mauá realizam paralisação nas duas refinarias.

A causa dos caminhoneiros é amplamente apoiada pela sociedade, basta ver o tanto de postagens nas mídias sociais ou sair entrevistando populares pela rua. E não era para ser diferente, a classe dos caminhoneiros, entre outras reivindicações, exige a redução no preço do diesel, com corte total do imposto Pis/Confins. Esse sentimento de pagar um absurdo em postos de gasolina é compartilhado por todos, ou seja, a greve dos caminhoneiros se torna uma luta em comum de todos os brasileiros.

O problema é que, ao invés da população ou grande parte dela, aderir à greve, se posicionando dentro de seu setor e entidades, criando uma ideia, enquanto consciência coletiva, o que se nota é que, apesar desse apoio idealístico, o comportamento social age totalmente antagônico à causa dos caminhoneiros. Haja vista o corre-corre aos postos de gasolina, aos supermercados e em tudo que se possa pensar.

O certo é que todo esse rebuliço social para comprar produtos elevou os preços dos combustíveis, das frutas, legumes e verduras, até acabarem. Baseado na oferta e procura (lei de mercado), e no que podemos denominar de “egoísmo” de grande parte da população que saiu desesperadamente às compras e no oportunismo de alguns empresários, os preços subiram consideravelmente no município e, provavelmente, em todo o país. Luís Carlos Nunes

Governo Maranhão lança pedra fundamental da sede do Corpo de Bombeiros.

Em mais uma ação positiva, o prefeito Gabriel Maranhão (sem partido), lançou na manhã deste sábado (19), a pedra fundamental que marca oficialmente o início da obra da futura sede do Corpo de Bombeiros em Rio Grande da Serra.

Por volta das 11:00 horas, o prefeito Gabriel Maranhão, acompanhado do deputado federal Alex Manente (PPS), de sua vice, Professora Marilza, do Presidente Executivo da Associação Brasileira da Indústria Química (ABIQUIM), Fernando Figueiredo, da Diretora de Relações Institucionais e Sustentabilidade, Marina Rocchi Martins Mattar, representantes do deputado Estevam Galvão (DEM), vereadores e secretários municipais se dirigiram até a avenida Jean Lieutaud, bairro Santa Tereza (ao lado do Teixeirão) para oficializar o início das obras da futura sede do Corpo de Bombeiros na cidade.

As tratativas com as indústrias tiveram a iniciativa do deputado federal Alex Manente (PPS), a pedido do prefeito Gabriel Maranhão. O deputado Federal Alex Manente é membro da Frente Parlamentar da Cadeia Produtiva do Setor Químico.

“hoje estamos dando o primeiro passo para a construção da base dos bombeiros na cidade que ajudará em diversos aspectos. Desde o acidente do dia a dia da cidade e termos aqui os resgates com maior rapidez, uma vez que a unidade mais próxima dos bombeiros fica a pelo menos 15 minutos. Outro ponto importante é o barateamento do seguro das empresas o que possibilitará a vinda de novas empresas com a consequente geração de novos empregos. Temos na região do ABC, um déficit muito grande de postos de trabalho”, disse o deputado.

O prefeito Gabriel Maranhão, visivelmente emocionado, fez um agradecimento especial ao presidente da ABIQUIM, Fernando Figueiredo, a Diretora Marina Rocchi Martins Mattar e ao deputado Alex Manente.

“Nossa cidade é a única da região do ABC que não possuía um posto do Corpo de Bombeiros, e é uma reivindicação antiga da população. Após a sua implantação, irá contribuir de forma decisiva na segurança da nossa cidade. Quero agradecer a todas as empresas envolvidas no projeto e principalmente ao deputado federal Alex Manente que foi quem intermediou a construção da sede dos Bombeiros para Rio Grande da Serra”, concluiu o prefeito.

Estiveram também presentes no ato, o prefeito de São Caetano do Sul, José Auricchio Júnior, o ex-prefeito de Ribeirão Pires, Clóvis Volpi, o ex-vice-prefeito Edinaldo de Menezes (Dedé da Folha), presidente do PPS de Ribeirão Pires e Wagner Lima, presidente do PPS de Rio Grande da Serra, dentre outras autoridades e lideranças políticas.

Câmara de Formosa do Rio Preto aprova propostas do Executivo.

Na Sessão Ordinária desta terça-feira (15), os vereadores aprovaram projeto do Executivo que concede anistia de multas, juros e parcelamento especial de débitos tributários

O vereador José Antônio Barbosa de Barros – Meletinha, apresentou a Indicação nº 12/2018, que solicita a reforma e ampliação da Escola Municipal Dr. Luiz Viana Filho, na localidade de Intans, zona rural de Formosa. “Essa escola necessita de novas janelas, cobertura do pátio, sala para reuniões e trabalhos para os professores, reforma dos banheiros e também de ampliação da estrutura física, pois essa escola atende aos alunos de Intans, como também de outras localidades, como Passagem de Areia, Inhumas, Lagoa de Cima, Pinto, Tabocas e Tábuas”, finalizou o vereador Meletinha. Com oito votos, a indicação foi aprovada.

Finalizando a plenária, foi apresentado o Projeto de Lei nº 005/2018, de autoria do Poder Executivo, que concede anistia de multas, juros e parcelamento especial de débitos tributários, com o objetivo de que os contribuintes, que se encontram em dívida com os tributos municipais, tenham a oportunidade de se regularizarem com o erário. “Essa iniciativa é muito importante não só para os empresários, mas como também para os cidadãos formosenses que estejam em débito com o IPTU ou outros impostos, é a oportunidade de ficarem adimplentes. É necessária ampla divulgação para que todos tenham conhecimento dessa oportunidade”, disse a vereadora Maria Rosita. Com oito votos a favor, o Projeto de Lei foi aprovado.

A próxima sessão ordinária será realizada no dia 22/05, a partir das 19 horas, na Câmara Municipal de Formosa do Rio Preto.

Ascom – Câmara Municipal de Formosa do Rio Preto.

Rio Grande da Serra abre concurso público com 664 vagas.

A prefeitura de Rio Grande da Serra está com seletivo para um total de 664 vagas em cargos de níveis alfabetizado, fundamental, médio, médio/técnico e superior. São 184 vagas imediatas e 480 para formação de cadastro de reserva. As remunerações vão de R$ 1.071,58 a R$ 3.556,20. A data da prova está prevista para o dia 24 de junho e as mesmas serão aplicadas em dois blocos um no período da manhã e outro no período da tarde, de acordo com  o cargo, ou seja, os interessados poderão se inscrever para até 2 (duas) opções, desde que seja escolhida uma opção por bloco de cargos.

Os cargos de nível superior são para analista ambiental I e II, arquiteto, assistente jurídico, assistente social, bibliotecário, biólogo, engenheiro ambiental, engenheiro civil, engenheiro de tráfego, estatístico, farmacêutico, jornalista, pedagogo, professor de educação física, terapeuta ocupacional e turismólogo.

As vagas de nível médio ou médio técnico são para agente de fiscalização sanitária, artesão, assistente de pessoal, auxiliar de farmácia, fiscal, fiscal de meio ambiente, fiscal de trânsito, fiscal de turismo, guarda municipal feminino e masculino, guia de turismo, instrutor de arte, técnico de enfermagem, técnico de odontologia, técnico de turismo e tesoureiro.

Os postos de nível fundamental são para agente de controle, agente de defesa civil, agente de serviço externo, agente de trânsito, agente de almoxarifado, agente de compras, auxiliar de educação infantil, auxiliar de odontologia, auxiliar de tesouraria, coveiro, digitador, eletricista, encanador, fotografo, instrutor de arte, instrutor de esporte, marceneiro, mecânico, operador de máquina, pedreiro, pintor.

Os postos para nível alfabetizado são para roçador e servente de serviço geral feminino e masculino.

As taxas vão de R$ 40 a R$ 65 e os candidatos podem se inscrever até o dia 04 de junho clicando aqui.

45 vagas de emprego no CPTR de Mauá.

Das 45 vagas disponibilizadas, 42 são reservadas para quem concluiu o Ensino Médio, sendo 15 para operador de máquina de soldar, 15 vagas para operador de prensa, três para instrutor de aprendizagem em informática, duas para auxiliar de linha de produção e operador de sistema de computador, além de uma vaga para auxiliar de escritório, auxiliar de expedição, chefe de cozinha, operador de caldeira e assistente administrativo. Para quem tem Ensino Superior Completo há uma vaga disponível para gerente de departamento pessoal.

Para os candidatos com Ensino Fundamental completo, são duas oportunidades, sendo uma para pintor de automóveis e para empregada doméstica.

CPTR Móvel

A van do CPTR (Centro Público de Trabalho e Renda) levará os serviços de emissão de Carteira de Trabalho e intermediação de mão de obra ao longo da semana que vem para os bairros Jardim Guapituba, Vila Vitória e Jardim Primavera. O atendimento é feito das 9h às 16h e não é necessário reservar horário de atendimento.

Para emitir a documentação é necessário levar RG, CPF, uma foto 3×4 e comprovante de residência. Já para quem quiser buscar uma oportunidade de trabalho, é preciso comparecer ao local de atendimento portando RG, CPF e Carteira de Trabalho. As vagas são oferecidas para munícipes a partir de 16 anos.

Confira os endereços e as datas:

07 e 08 de Maio: Rua Rosa Bonini Mariani, nº 204, em frente à UBS Guapituba

09 e 10 de Maio: Rua Carlos Tamagnini, n° 712, em frente a E.E. Odila Bento Mirarchi

11 e 14 de Maio: Rua das Azaléias, nº 24, em frente a UBS Jardim Primavera

Presidente mais rejeitado, Temer pede que militantes saiam às ruas para defender seu “legado”.

O presidente Michel Temer (MDB) apelou aos militantes de seu partido para que saiam às ruas para defender o legado de seu governo. ”Não vamos para a eleição em São Paulo e no plano nacional sem termos o que dizer. Nós temos o que dizer e peço que vão às ruas sustentar o nosso governo pelo que fizemos pelo país”, pediu o emedebista durante encontro estadual do MDB, em Jaguariúna (SP), neste sábado (5).

Como legado, Temer falou sobre avanços na economia, disse ter promovido crescimento de postos de trabalho com carteiras assinadas e  ressaltou a perspectiva de o Produto Interno Bruto (PIB) ficar em torno de 2,5% e 3%. De acordo com ele, no plano federal, seu partido está reconstruindo a economia do país. “Tudo o que o MDB faz é a base da reconstrução”, acrescentou.

No encontro estadual da sigla foram anunciadas as pré-candidaturas do presidente da Federação das Indústrias de São Paulo, Paulo Skaf, ao governo de São Paulo e de Marta Suplicy (MDB-SP) à reeleição no Senado. Também foram anunciados nomes de pré-candidatos a deputados federal e estadual. O ex-ministro da Fazenda Henrique Meirelles (MDB) também esteve no evento.

Em vários discursos de políticos da sigla, Temer foi estimulado a ser candidato à reeleição. No entanto, em sua breve fala no evento, apenas respondeu que ele e Meirelles estarão juntos nesta eleição seja qual for o rumo escolhido. “Eu e o Meirelles estaremos juntos em qualquer hipótese. Por isso ele veio para o MDB”, ressaltou.

Temer é recordista em rejeição popular na série histórica da pesquisa CNI/Ibope (iniciada em março de 1986). Desde que o Ibope começou a série histórica de pesquisas, José Sarney, até então, tinha a pior aprovação, com 7%, em 1989. Temer chegou a 3%.

Vereador Amigão D’orto lança projeto de lei que cria seguro anticorrupção em Ribeirão.

Medida quer obrigar empresas responsáveis por obras públicas na cidade a contratar um seguro e, em caso de atraso na obra ou abandono na conclusão, a Prefeitura será ressarcida.

Para tentar combater a corrupção e a demora na conclusão de obras públicas em Ribeirão Pires, o vereador Amigão D’orto (PTC) protocolou na Câmara Municipal um projeto de lei que cria um seguro anticorrupção na cidade. A ideia é que empreiteiras responsáveis pela construção de equipamentos públicos no município paguem uma seguradora antes e durante as os trabalhos e, em caso de problemas, atrasos ou abandono da obra, a Prefeitura seria ressarcida com os valores. O texto já foi lido em Plenário, mas Amigão com o objetivo de aperfeiçoas a proposta, irá fazer uma emenda antes de ser apresentado para votação na Casa de Leis da Estância.

“O projeto de lei vai dar segurança jurídica para os vencedores de licitações e mais transparência para a população, além de combater o superfaturamento das obras públicas”, disse o edil.

Essa modalidade de seguro é comumente utilizada em países estrangeiros e o tipo previsto no texto é corriqueiro nas obras públicas da maior economia do planeta. “Com essa medida a construtora vai ter que obedecer cada vírgula do edital e tudo será auditado passo a passo pela seguradora. Esse sistema já é usado em países como os Estados Unidos”, explica. “Dessa forma, qualquer licitação feita em Ribeirão Pires terá a obrigação de ter uma seguradora; que passa a ser uma terceira pessoa que vai fiscalizar a execução da obra. Então, todos os problemas que tivermos com atraso e desvios serão pagos pela seguradora deixando de sair do bolso dos cidadãos que pagam impostos”, acrescenta.

Com a medida o vereador crer ser possível diminuir o atraso na entrega das obras, mudanças em projetos e adaptações feitas para aumentar a margem de lucro das construtoras e, principalmente, os superfaturamentos. Tudo isso será possível porque o texto permite, por exemplo, que a seguradora regule a fiscalize livremente a execução do contrato principal e a ateste a conformidade dos serviços e dos materiais empregados, bem como o cumprimento dos prazos pactuados.

O projeto de lei pode ajudar a cidade a minimizar os atrasos nas obras públicas e em serviços e, para evitar fraudes, veda a prestação de seguro-garantia caso exista vínculo societário direto ou indireto entre o tomador e a seguradora e para tanto o vereador tem expectativa de aprovação do Projeto.

“Gostaria de contar com o apoio da população para passar e com o dos nobres colegas aqui da Câmara. Ele já foi apresentado em diversas cidades do Brasil e espero que ele seja copiado para diversas cidades da região, porque o cidadão não pode ficar pagando a conta da corrupção”, finaliza.

Acompanhe a seguir a proposta sem a emenda que ainda será acrescida ao atual projeto.

“Orlando Morando deixa a desejar e Consórcio do ABC pode se fragmentar” diz Claudinho Monteiro.

O líder do Governo Maranhão, Claudinho Monteiro (PSB), fez duras críticas a gestão do prefeito de São Bernardo do Campo, Orlando Morando à frente do Consórcio Intermunicipal do Grande ABC.

Segundo a fala de Monteiro durante sessão da Câmara de Rio Grande da Serra nesta quarta-feira (18), “o coordenador do Consórcio está deixando muito, mas muito a desejar”.

“A minha fala é preocupante, mas temos que cada vez mais estar discutindo a questão regional, precisamos estar discutindo a microrregião. É o que estamos fazendo aqui no dia a dia. Porque não pode chegar em Santo André e parar quando tem Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra”.

Um parlamentar fez ainda um questionamento, “o que foi feito na questão regional? Existe a contribuição de todos os municípios o que não é surpresa para ninguém”.

Em outro momento Monteiro disse compreender os motivos da retida do prefeito de Diadema do consórcio e que também é preciso abrir o olho do prefeito Gabriel Maranhão para a gravidade do problema.

Uma fala interessante feita pelo líder do Governo, ainda de que forma indireta, é que São Caetano do Sul poderia sair do Consórcio. Fato que praticamente se concretizou na manhã desta quinta-feira (19), quando uma emenda de autoria do vereador sãocaetanense, Parra que suprime o trecho do texto legal que corresponde ao repasse de 1,2 milhão para o Consórcio Intermunicipal. O projeto retornou à Comissão de Justiça e Redação da Casa para que se faça a supressão do inciso, e, posteriormente, retorne ao plenário para apreciação da redação final.

Se a leitura política de Claudinho Monteiro estiver correta, Mauá e Rio Grande da Serra sairão do da entidade regional o que inviabilizará a manutenção política do Consórcio Intermunicipal com a perca de sua representatividade e a sustentação financeira do órgão.

Acompanhe abaixo o discurso do vereador Claudinho Monteiro

Prefeitura de Ribeirão contrata empresa por mais de R$ 540 mil para revitalização de sinalização de trânsito.

Prefeitura da Estância vai pagar R$ 544.500,00 para empresa pintar faixas de pedestres, lombadas e revitalizar outras sinalizações de trânsito

A prefeitura de Ribeirão Pires iniciou trabalho de pintura de faixas de pedestres nas vias e ruas da cidade. Com pouco mais de 15 dias, as poucas faixas pintadas na cidade já apresentam desgastes nas pinturas que foram realizadas recentemente em asfalto com trincas e buracos.

A Empresa contrata em pelo Contrato 84 na modalidade pregão é a Portal Sinalização Viária Ltda.- EPP, que para realizar revitalização da sinalização horizontal, sinalização vertical e semafórica, iluminação de faixa de pedestre e implantação de travessias elevadas receberá R$ 544.500,00. A vigência do contrato é de 20 de março de 2018 à 19 de junho do mesmo ano.

Na rua Pedro del Corto, a pintura foi feita em asfalto fachado com tinta contornado buracos

Um bom exemplo de descaso, fina na rua Pedro del Corto, esquina com a avenida Francisco Monteiro, altura do número 1.300, uma faixa pintada recentemente apresenta buracos contornados pela tinta e diversas rachaduras.

Diversas lombadas estão sem pintura e em péssimo estado e se deteriorando

Na realidade, o que era para elevar nível de segurança de pedestres e condutores de veículos, promover acessibilidade à idosos, portadores de necessidades especiais, se caracteriza como um grande desperdício de dinheiro público onde significativas cifras são despejadas no ralo da ineficiência.

No último dia 11 de março (quarta-feira), a administração municipal realizou a “Operação Ribeirão Segura”, onde profissionais do departamento de Trânsito, Guarda Civil Municipal e Polícia Militar realizaram mais de 90 autuações e o recolhimento de três veículos ao Pátio municipal.

Segundo a Prefeitura, “as autuações são uma forma de chamar a atenção dos condutores para a necessidade do cumprimento à legislação nacional de trânsito. Usar o cinto de segurança ou o celular somente com o veículo estacionado, por exemplo, salvam vidas”.

Dessa forma, sem cumprir a legislação de trânsito, a prefeitura promete realizar novas operações neste mesmo sentido e já se prepara para o maio amarelo, mês tido como mês da consciência e prevenção de acidentes no trânsito.

Um terço dos desempregados sobrevive com bicos e trabalhos temporários.

Um terço dos brasileiros desempregados atualmente sobrevive com bicos e trabalhos temporários, geralmente informais, mostra pesquisa do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL). Para 29%, o sustento vem da ajuda financeira da família ou amigos e 7% recebem auxílio do programa Bolsa Família. Apenas 2% utilizam poupança ou investimentos. O estudo, que entrevistou 600 pessoas nas 27 capitais, revela que a falta de trabalho provocou a queda no padrão de vida de seis em cada dez brasileiros.

Entre os trabalhos informais mais comuns, estão os serviços gerais (21%) – manutenções, pedreiro, pintor, eletricista –, produção de comida para vender (11%) – como marmita, doces e salgados –, serviços de diaristas e lavagem de roupa (11%) e serviços de beleza, como manicure e cabeleireiro (8%). A média de dedicação a esse trabalho é de três dias por semana. Essa periodicidade revela, segundo o SPC/CNDL, não apenas uma escolha, mas escassez de oportunidade, pois apenas 12% dos que fazem bicos consideram que está fácil conseguir esses trabalhos.

O levantamento revelou também que 41% dos desempregados possuem contas em atraso, sendo que 27% estão com o nome negativado em serviços de proteção ao crédito. Os débitos mais frequentes são parcelas no cartão de loja (25%), faturas do cartão de crédito (21%), contas de luz (19%), contas de água (15%) e parcelas do carnê ou crediário (11%). O tempo de atraso médio das dívidas é de quase sete meses e o valor é de R$ 1.967, em média.

Em relação aos hábitos de consumo, a pesquisa mostra que mais da metade (52%) dos desempregados brasileiros abandonou algum projeto ou desistiu da aquisição de um sonho de consumo por causa da demissão. As iniciativas mais frequentes foram deixar fazer reserva financeira (28%), voltar atrás no plano de reformar a casa (25%), desistir de comprar ou trocar o carro (17%) e deixar de comprar móveis para a residência (17%). Foram citados ainda os planos de abrir o próprio negócio (16%), realizar uma faculdade ou pós-graduação (14%) e fazer uma grande viagem (13%). Também foi alto o percentual (38%) dos que disseram não ter sonho algum.

Adaptação

Para se adaptar aos cortes na receita doméstica, 59% disseram ter mudado o padrão de vida. Os cortes mais expressivos foram na compra de roupas, calçados e acessórios (65%), saídas para bares e baladas (56%), delivery e comida fora de casa (56%), alimentos supérfluos, como carnes nobres, bebidas e iogurtes (52%), atividades de lazer (52%) e gastos com salão de beleza (45%).

As principais despesas que foram mantidas foram: água e luz (65%), produtos de higiene, limpeza e alimentação básica (64%), planos de internet (49%), telefonia (45%) e TV por assinatura (40%). Há também 32% de desempregados que mantiveram plano de saúde.

Quase metade dos desempregados (46%) passaram a pedir dinheiro emprestado a amigos e familiares e 30% recorreram ao cartão de crédito. Como contenção de gastos, 63% optaram por marcas mais baratas na hora das compras. O levantamento revela ainda que 68% dos entrevistados passaram a fazer mais pesquisas de preços, além de pechinchar (62%).

Governo do Estado anuncia recuperação da Rodovia Índio Tibiriça.

O governado do Estado anunciou nesta segunda-feira (02), investimentos da ordem de R$ 506,3 milhões para obras de recuperação de rodovias estaduais e estradas vicinais. O anúncio aconteceu em encontro com representantes de prefeituras no Palácio dos Bandeirantes.

Os editais de licitação para contratar as obras nas rodovias estaduais serão publicados a partir da próxima terça-feira (3). O processo licitatório correrá na modalidade Concorrência Menor Preço. No total, 936,6 quilômetros de rodovias e vicinais serão contemplados pelo pacote.

No ABC, a Rodovia Índio Tibiriçá (SP 031) receberá recuperação de pavimento nos trechos de São Bernardo do Campo, Santo André, Ribeirão Pires e Suzano.

SABESP anuncia Concurso Público com mais de 950 vagas.

A Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (SABESP) abrirá as inscrições do Concurso Público que visa à contratação de 956 novos Estagiários de níveis Médio, Técnico e Superior. Este certame terá validade de um ano.

Há vagas para estudantes de Administração (193); Análise e Desenvolvimento de Sistemas (4); Ciências Biológicas (6); Ciências Contábeis (10); Ciências da Computação (7); Ciências Econômicas (1); Comunicação Social – Fotografia (2); Comunicação Social – Jornalismo (21); Comunicação Social – Publicidade e Propaganda (6); Comunicação Social – Rádio e TV (4); Comunicação Social – Relações Públicas (2); Design Gráfico (8); Direito (46); Engenharia Ambiental (10); Engenharia Cartográfica (1); Engenharia Civil (62); Engenharia de Produção (1); Engenharia Elétrica (4); Engenharia Mecânica (3); Engenharia Química (2); Ensino Médio Regular (393); Informática (9); Programação Visual (1); Propaganda e Marketing ou Marketing (1); Psicologia (1); Química (13); Secretariado Executivo (2); Serviço Social (1); Sistemas de Informação (1); Técnico dm Administração (50); Técnico em Edificações (12); Técnico em Elétrica (1); Técnico em Eletrônica (2); Técnico em Eletrotécnica (2); Técnico em Eletrotécnica (2); Técnico em Enfermagem do Trabalho (2); Técnico em Informática (22); Técnico em Mecânica (11); Técnico em Química (14); Técnico em Saneamento (1); Técnico em Secretariado (4); Técnico em Segurança do Trabalho (5); Tecnologia da Informação (1); Tecnologia em Construção de Edifícios (5); Tecnologia em Gestão Empresarial ou Processos Gerenciais (2); Tecnologia em Hidráulica e Saneamento Ambiental (4) e Tecnologia em Obras Hidráulicas (1).

Com isso, os alunos selecionados desenvolverão atividades nas Regiões de Adamantina; Arujá; Assis; Avaré; Baixada Santista – Centro; Baixada Santista – Norte; Baixada Santista – Sul; Barueri; Botucatu; Bragança Paulista Cabreúva; Caçapava; Cachoeira Paulista; Caieiras; Cajamar; Cajati; Campo Limpo Paulista; Campos do Jordão; Cananéia; Caraguatatuba; Carapicuíba; Caucaia do Alto; Coronel Macedo; Cotia; Duartina; Elias Fausto; Espírito Santo do Turvo; Fernandópolis; Franca; Francisco Morato; Franco da Rocha; Gália; General Salgado; Guapiara; Guareí; Hortolândia; Iguape; Ilha Comprida; Ilhabela; Itapetininga; Itapeva; Itapevi; Itariri; Itatiba; Itupeva; Jacupiranga; Jandira; Jarinu; João da Boa Vista; Lins; Lorena; Mairiporã; Mococa; Monte Alto; Monte Mor; Morungaba; Nova Granada; Novo Horizonte; Osasco; Ouroeste; Paulínia; Pederneiras; Pedro de Toledo; Pindamonhangaba; Pirapora do Bom Jesus; Presidente Prudente; Registro; Ribeirão Pires; Rio Grande da Serra; Riversul; Santa Isabel; Santana de Parnaíba; Santos; São Bernardo do Campo; São José dos Campos; São Manuel; São Miguel Arcanjo; São Paulo – Centro; São Paulo – Leste; São Paulo – Norte; São Paulo – Oeste; São Paulo – Sul; São Roque; São Sebastião; Sarapuí; Suzano; Taboão da Serra; Tatuí; Taubaté; Tupã; Ubatuba e Várzea Paulista.

As Bolsas-Auxílio mensais ofertadas variam de R$ 812,03 a R$ 1.068,44, para carga horária diária de seis horas, bem como os benefícios de Vale-Refeição, Vale-Transporte, Assistência Médica e também Segura Contra Acidente Pessoais.

Poderão participar candidatos com idade mínima de 16 anos, que estejam regularmente matriculados, em 2018, nos cursos de Ensino Superior, Médio ou Médio Técnico. Estes devem ter, no mínimo, seis meses para a conclusão do curso.

Os interessados poderão se inscrever no período das 10h do dia 22 de março até às 14h do dia 18 de abril de 2018 (horário oficial de Brasília – DF), via internet, por meio do site www.concursosfcc.com.br. As taxas são de R$ 60,00 e R$ 80,00.

Como forma de qualificar os concorrentes inscritos, haverá aplicação da etapa única de Prova Objetiva. Com duração total de 3 horas de 30 minutos, as Provas estão previstas para serem realizadas no dia 20 de maio de 2018, no período da manhã.

Anexo: Edital concurso SABESP 02/2018 – Estágio

O vereador Amaury Dias (PV), comemora a aprovação de dois projetos de iniciativa do poder executivo.

Da Tribuna, durante sessão ordinária realizada na quinta-feira (08), o parlamentar parabenizou a edição do Projeto de Lei (PL) nº 19/2018 que trata do Diário Oficial do Município e que vai gerar economia de R$ 250 mil ao ano.

“O projeto veio em boa hora em fase do momento porque passa Ribeirão Pires. É inquestionável que a iniciativa atende aos princípios da Administração Pública, especialmente aos da eficiência e publicidade e, também, o interesse público sob o aspecto da economicidade, uma vez que o cancelamento da edição impressa desonerará os cofres públicos em uma quantia estimada em R$ 250.000,00 (duzentos cinquenta mil reais) anuais”, disse o vereador Amaury.

Outro projeto que também foi defendido pelo edil, é o PL 20/2018 que trata da redução de percentual de rateio ao Consórcio Intermunicipal do Grande ABC.

“Toda e qualquer ação que venha trazer economia para a cidade, deve ser bem-vinda. Com a aprovação do PL 020/2018, ficam reduzidos dos atuais 0,25% para 0,17% – sobre a receita líquida do município -, o repasse mensal para o consorcio Intermunicipal do Grande ABC”, concluiu.

Acompanhe abaixo o pronunciamento do vereador Amaury Dias

Prefeito Gabriel Maranhão protocola documentação solicitando enquadramento de MIT na Assembleia Legislativa.

O prefeito de Rio Grande da Serra, Gabriel Maranhão, esteve na última quarta-feira, 28 de fevereiro, na Assembleia Legislativa de São Paulo, para protocolar documentação necessária para a inclusão do município na listagem do Estado como Município de Interesse Turístico (MIT) conforme publicado pelo blog Caso de Política. (ver matéria clicando aqui)

A iniciativa legislativa é do deputado estadual Sebastião Santos (PRB) através do Projeto de Lei nº 71/2017. Caso a cidade seja alçada à condição de MIT receberá anualmente R$ 700 mil para investir no setor do turismo.

Na oportunidade, o prefeito Maranhão esteve acompanhado pelos Secretários Municipais Israel Mendonça (Cidadania e Inclusão Social) e por Gilvan Mendonça (Desenvolvimento Econômico e Turístico), a quem o prefeito fez questão de agradecer pelo empenho neste processo.

“Além de toda equipe da nossa administração, quero salientar e agradecer o empenho do Poder Legislativo e do Consórcio Intermunicipal do Grande ABC, que também não mediram esforços em nos ajudar no preparo desta documentação. E, mais do que isso, quero que toda a população de Rio Grande da Serra saiba da importância desta iniciativa, afinal, com a conquista do MIT, nossa cidade passará a receber mais recursos e poderemos planejar novas ações para o desenvolvimento, não só do turismo, mas da economia e de toda a sociedade”, disse o alcaide.

Rio Grande da Serra possui as qualidades necessárias para alavancar o desenvolvimento em diversas áreas, seja indústria limpa, comercial, prestação de serviços, hotelaria, gastronômico e esporte em diversas modalidades. Possui infraestrutura urbana em franco desenvolvimento e estruturação, disponibilidade de energia elétrica, água em abundância. Esta localizada em local de fácil acesso, com boas estradas, trem e linhas de ônibus.

Vereador Anselmo Martins questiona sobre dinheiro recebido para o Turismo em 2017 e onde foram gastos.

O vereador Anselmo Martins (PR) teve requerimento aprovado durante sessão da Câmara realizada nesta quinta-feira (01). No documento o parlamentar solicita informações ao Executivo Municipal, quanto a verbas creditadas ao município e suas aplicações, por conta do título de Estância Turística.

Na justificativa, o edil explica que a “solicitação tem por objetivo conhecer os valores oriundos dos governos do Estado e Federal, para o desenvolvimento turístico em Ribeirão Pires, suas aplicações, o retorno econômico e futuros projetos, tendo em vista que somos questionados neste sentido, pois é notório e também observado pelos munícipes que enquanto Estância Turística, o município ainda não apresenta um visual turístico e atrativo, apesar da privilegiada localização, há deficiência em conservação,  ausência de capinação rotineira, excesso de buracos por falta de manutenção periódicas e,  ausência de infraestrutura, como um planejamento hoteleiro, talvez sendo necessário estudos visando incentivos fiscais a empreendedores, para fomentar o turismo em nosso município, otimizando a geração de emprego e renda”.

No questionário, Anselmo Martins faz as seguintes indagações, conforme itens enumerados abaixo:

  1. Qual o valor creditado pelo DADETUR (Departamento de Apoio ao Desenvolvimento dos Municípios Turísticos) e pelo Ministério do Turismo no exercício de 2017, para o Desenvolvimento e atividades turísticas em nosso município?
  2. Onde foram aplicados esses recursos, caso creditado? Especifique.
  3. O município aplica recursos próprios no turismo? Caso positivo, qual o valor do exercício 2017? Especifique essas aplicações.
  4. Qual o custo ao município na Gestão ao Turismo? Qual o benefício econômico?
  5. Quais são os projetos para o exercício 2018?
  6. Existe uma estatística de quantos visitantes no exercício anterior estiveram em nosso município e que pontos foram visitados e qual o valor movimentado?
  7. Há incentivos fiscais a empreendedores nesse segmento? Caso positivo, quais são esses incentivos?

Guarulhos abre concurso para vaga de advogado.

As inscrições serão recebidas no período de 27/02/2018 à 02/04/2018

Progresso e Desenvolvimento de Guarulhos S/A – PROGUARU torna público, para o conhecimento dos interessados, a abertura de inscrições para a realização do Concurso Público nº 01/2018, para o preenchimento de vagas para o Emprego de Advogado/Advogada, a realizar-se de acordo com a Resolução nº 004/2018-Proguaru, que nomeia a Comissão Organizadora do Concurso, a Constituição Federal, a Lei Federal nº 7853, de 24 de outubro de 1989, a Lei Orgânica Municipal de Guarulhos, a Lei Municipal nº 4772/96, o Decreto Municipal nº 20.025/97 e a Lei Municipal nº 2305, de 22 de maio de 1979, que será executado pelo Instituto Mais de Gestão e Desenvolvimento Social.

As inscrições serão realizadas exclusivamente pela Internet, no endereço eletrônico www.institutomais.org.br, no período das 10 horas do dia 27 de fevereiro de 2018 às 17 horas do dia 02 de abril de 2018, observado o horário oficial de Brasília e as exigências contidas no item 9.13, do Edital.

O candidato/candidata que preencher as condições estabelecidas na  Lei Municipal nº 6.289, de 15 de outubro de 2007, regulamentada pelo Decreto Municipal nº 25.064, de 24/01/2008, bem como, nos itens 2.2 e 2.2.1, e desejar solicitar a isenção da taxa de inscrição no Concurso Público, deverá acessar, no período das10 horas do dia 27 de fevereiro de 2018 e 23 horas e 59 minutos do dia 28 de fevereiro de 2018, no “link” próprio da página do Concurso, no endereço eletrônico: www.institutomais.org.br, e realizar a solicitação de isenção da taxa de inscrição, preenchendo total e corretamente os dados solicitados. Após a solicitação, deverá apresentar-se, na forma, local e período estabelecidos no edital e entregar os documentos comprobatórios, conforme dispõe o Edital, em seu item “2.3” e seguintes.

CEAGESP realiza concurso público pelo Instituto Águia.

A CEAGESP (Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo), através do Instituto Águia e com regulação do Edital 1/2018, realiza concurso público. O certame abre vagas imediatas e cadastro reserva em cargos de níveis médio/técnico e superior. A remuneração chega ao valor de R$ 10.572,24. Estão abertos os cargos de Analista (diversas áreas), Advogado, Analista de Sistemas, Engenheiro, Médico do Trabalho, Médico Veterinário, Inspetor de Segurança, Técnico Administrativo, Técnico em Informática, Técnico de Segurança do Trabalho e Técnico Operacional. No edital é possível conferir a distribuição de vaga por área de atuação.

Inscrições devem ser efetivadas pelo http://www.institutoaguia.org.br/, com prazo final marcado para 23h59min do dia 08 de março de 2018. Os valores das taxas ficaram definidos em R$ 63,00 (níveis médio/técnico) e R$ 99,00 (superior). provas, gabarito e resultado final As provas objetivas de múltipla escolha e discursivas serão realizadas nas cidades de Araçatuba, Araraquara, Bauru, Franca, Marília, Piracicaba, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Rubião Junior, São José do Rio Preto, São José dos Campos, São Paulo, Sorocaba e Tatuí, no Estado de São Paulo, com data inicialmente prevista para o dia 01 de abril de 2018 (domingo), com duração de 5 (cinco) horas para sua realização para o cargo/áreas de atuação de Advogado I – Cível e Trabalhista e 4 (quatro) horas para os demais cargos/áreas de atuação, em dois turnos. Os locais de realização das provas, para os quais deverão se dirigir os candidatos, será divulgado a partir de 22 de março de 2018 no site www.institutoaguia.org.br. São de responsabilidade exclusiva dos candidatos a identificação correta de seu local de realização das provas e seu comparecimento no horário determinado.

O concurso também terá etapas de Peça processual somente para o cargo de Advogado; Prova Discursiva somente para os cargos/áreas de atuação de nível superior de escolaridade, ambas de caráter eliminatório e classificatório; Prova Prática somente para os cargos/áreas de atuação de Técnico Operacional III – Civil, Técnico Operacional IV – Elétrica e Técnico Operacional IV – Mecânica, de caráter eliminatório e classificatório; Teste de Aptidão Física somente para o cargo de Inspetor de Segurança, de caráter apenas eliminatório; Avaliação Psicológica, apenas para os cargos/áreas de atuação de Inspetor de Segurança II, Técnico Operacional IV – Agrícola e Técnico Operacional IV – Elétrica, de caráter apenas eliminatório; e Avaliação de Títulos somente para os cargos/áreas de atuação de nível superior, de caráter apenas classificatório.

Os gabaritos provisórios das provas objetivas serão divulgados na internet, no site www.institutoaguia.org.br, a partir das 16h00min do dia subsequente ao da realização das provas (segunda-feira). O resultado final do Concurso Público e a homologação do mesmo serão publicados no Diário Oficial da União, no sítio eletrônico www.ceagesp.gov.br e na página do Concurso Público no site www.institutoaguia.org.br. validade O prazo de validade do Concurso Público será de vinte e quatro meses, podendo ser prorrogado por igual período, contado a partir da data de homologação do resultado final. confira edital

Petrobras e Transpetro abrem concurso público com mais de 600 vagas.

A Petrobras e a Transpetro abriram concurso público para o preenchimento de centenas de vagas em cargos de nível médio e superior com salários que chegam R$ 10.726,45 dependendo da função.

As vagas são para trabalhar em diversas localidades do país, entre elas as cidades de Barueri e Santos, em São Paulo, além de Vitória (ES), Macaé (RJ) e outras regiões.

Para se inscrever é necessário acessar a página da Cesgranrio (clique aqui), selecionar o concurso desejado, efetuar o preenchimento da ficha de cadastro e realizar o pagamento de taxa no valor de R$ 47,00 para cargos de nível médio e R$ 67,00 para cargos de nível superior.

O prazo para participar do concurso da Transpetro termina no dia 5 de março, enquanto que o da Petrobras vai até dia 7 do mesmo mês.

Vagas de nível superior
Enfermeiro do Trabalho Júnior (6), Engenheiro de Equipamentos Júnior de Elétrica (4), Eletrônica (4), Inspeção (3), Mecânica (6), Engenheiro de Meio Ambiente Júnior (1), Engenheiro de Petróleo Júnior (11), Engenheiro de Processamento Júnior (5), Engenheiro de Segurança Júnior (3), Engenheiro Naval Júnior (4), Geofísico Júnior – Física (2) e Geologia (1), Geólogo Júnior (4), Médico do Trabalho Júnior (6), Químico de Petróleo Júnior (1).

Vagas para níveis técnicos
Administração e Controle Júnior (16), Comercialização e Logística Júnior (6), Exploração de Petróleo Júnior – Geologia (2), Inspeção de Equipamentos e Instalações Júnior (3), Logística de Transporte Júnior – Controle (3), Logística de Transporte Júnior – Operação (2), Manutenção Júnior – Instrumentação (1), Segurança Júnior (3), Suprimento de Bens e Serviços Júnior – Administração (10), Suprimento de Bens e Serviços Júnior – Mecânica (1) e Químico de Petróleo Júnior (3).

Mudanças no Passe Livre Estudantil de Ribeirão restringem o direito de jovens à cidade.

Desde o início do ano letivo de 2018, os estudantes beneficiários do Passe Livre não têm mais o direito de usar o transporte público gratuitamente nas 24 horas do dia. Segundo levantou o blog Caso de Política “os alunos só podem fazê-lo em dois períodos de até duas horas, podendo embarcar quatro vezes em cada um dos períodos”.

Segundo informaram usuários, “a empresa Rigras, -concessionária em Ribeirão Pires – alega que as novas regras mantêm a finalidade do Passe Livre de disponibilizar o acesso à educação”, mas os estudantes e seus responsáveis rebatem o argumento, enfatizando a falta de incentivos para o direito de ir e vir participando de equipamentos culturais e espaços públicos da cidade.

Em 2017, a empresa Rigras obteve substancial redução de seus custos operacionais ao repassar aos seus motoristas a responsabilidade pelo recebimento das passagens tendo no mesmo ano um aumento da tarifa de R$ 3,80 para R$ 4,00. Um novo aumento da passagem é aguardado para os próximos dias.

A vida do estudante não pode estar restrita ao espaço escolar. Ele é de fundamental importância, mas é apenas o espaço básico para a educação. Privar os estudantes de baixa renda do seu direito à mobilidade, é o mesmo que limitar as possibilidades de desenvolvimento cultural e social dessa população. Luís Carlos Nunes

Seja estagiário na Justiça Eleitoral. São 600 vagas para estudantes.

Estão abertas, até 25 de fevereiro de 2018, as inscrições para quem quiser ser estagiário do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP). Os aprovados poderão desempenhar funções nas zonas eleitorais do Estado e na Secretaria do Tribunal. É uma oportunidade de trabalhar numa instituição sólida e respeitada no cenário nacional.

São oferecidas mais de 600 vagas e os interessados devem ter, no mínimo, 16 anos de idade e estar cursando o primeiro ou o segundo ano do ensino médio, no ato da inscrição. A carga horária é de quatro horas diárias, com direito a auxílio-transporte no valor de R$ 7,60 por dia estagiado, além de uma bolsa-auxílio de R$ 450,00. Para fazer inscrição, clique aqui.