Defensor-geral destaca o papel da Defensoria no acesso à justiça durante visita à Formosa do Rio Preto.

O defensor público geral, Clériston Cavalcante de Macêdo, na tarde desta segunda-feira (9), ministrou a palestra “Justiça: direito de todos, dever do Estado”, como parte das ações da visita da Unidade Móvel à cidade. O evento palestra contou com a presença de estudantes de Direito, policiais militares, professores, advogados, vereadores, secretários e servidores municipais

Durante o bate-papo, o defensor-geral destacou o artigo 134 da Constituição Federal de 1988, que determina a função da Defensoria Pública como instituição permanente e essencial à justiça. “Na Bahia, a Defensoria Pública foi instalada em 1985, através da Lei Estadual nº 4658/85. Nosso trabalho é garantir os direitos dos cidadãos em situação de vulnerabilidade e que não têm condições financeiras de pagar um advogado. Muitas vezes, fazer justiça é muito mais que ajuizar uma ação: nós buscamos a mediação e conciliação dos conflitos e caminhamos rumo à resolução extrajudicial dos casos”, explicou o defensor-geral, que também falou do seu papel como presidente do Colégio Nacional de Defensores Públicos Gerais – Condege – e da Defensoria Pública no exterior: “a Defensoria já tem uma atuação interamericana e, agora, se expande para a Europa”.

Ainda durante o encontro, o defensor público geral falou sobre o projeto de interiorização da Defensoria baiana, os desafios e o trabalho da Unidade Móvel. “Já fui defensor público no interior e sei que a realidade é diferente da capital. O projeto da Unidade Móvel nasceu desta vontade de levar a Defensoria para os rincões mais distantes de Salvador, a exemplo desta nossa vinda para Formosa do Rio Preto”, destacou Clériston Cavalcante de Macêdo.

Sem medir esforços

“Realmente, a Defensoria não mede esforços e nem quilometragem para garantir os direitos de todos os cidadãos e essa escolha por Formosa do Rio Preto comprova isso. Que esta sua garra e sua força inspirem os demais defensores públicos e todo o mundo. É dessa busca por justiça que precisamos”, falou a vereadora Manuela da Saúde (PV) durante a palestra.

Segundo ainda a parlamentar que aproveitou para saber mais sobre os seus direitos. “Ficou bem claro qual o papel da Defensoria Pública e como ela pode nos auxiliar e o quanto temos direitos e, muitas vezes, nem sabemos”, concluiu.

A Unidade Móvel da Defensoria permaneceu em Formosa do Rio Preto nos dias 09 e 10 na Praça Dr Altino Lemos Santiago, no centro da cidade.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.