Dia Nacional de Lutas, tensiona povo, poderes e país

A quinta-feira D, do Dia Nacional de Lutas com Greves e Manifestações chegou. Neste 11 de julho, o Brasil deve viver uma mobilização popular jamais vista em toda sua história. O que vier a ser menos do que isso, em razão das gigantescas manifestações da virada de junho para julho, quando multidões marcharam nas principais capitais do País, será um fracasso. Convocado pelas centrais sindicais, entidades estudantis, movimentos organizados e disseminado pela internet para todos os públicos, o Dia de Lutas será um divisor dentro de um momento histórico da participação popular na boca da cena política. O apoio maciço dos trabalhadores e da classe média pode engrandecer e recrudescer os protestos, elevando-os até mesmo ao patamar de união nacional.

Deixe uma resposta