Está tudo correndo certinho na cidade? Questiona presidente da Comissão de Finanças, Edmar Oldani.

De forma objetiva, o presidente da Comissão de Finanças e Orçamento, Edmar Oldani (PV), popular Edmar da Aerocar, durante sessão extraordinária ocorrida nesta segunda-feira (05) esclareceu os motivos do adiamento de projetos apresentados pelo governo Kiko Teixeira (PSB) ao legislativo municipal. Ainda na oportunidade, Edmar falou sobre a maneira em que a Comissão que preside irá atuar.

Segundo Edmar entre as motivações da não votação do projeto do repasse financeiro para as entidades assistências está:

“O principal, 70 milhões para a saúde, tá tudo certo com a saúde do município?… Nós assinamos LDO, a LOA, está tudo correndo direitinho na cidade? A educação, saúde? Então pessoal o que é o direito, o que é o dever que estamos aqui? Se eu assumi essa presidência é para conferir… eu tenho que conferi! Porque tudo o que eu assinei até hoje não está de acordo com o que nós queremos! Onde será que estão os 70 milhões que estão indo para a saúde? Se eu como presidente, o vice-presidente assinarmos e não conferir acredito que não é certo, porque as coisas não estão do jeito que nós queremos”.

Sobre o projeto dos repasses “foi dado entrada na Casa no dia 31 de janeiro quarta-feira para ser votado, nada mais que justo analisar para ver se vocês estão recebendo o dinheiro”.

“Peço desculpas nessa parte, mas a nossa comissão vai ser dessa forma. Regime de urgência tem um prazo para ser lido, para ser analisado e para ver se realmente está certo”. Para saber mais clique aqui.

Veja abaixo o vídeo

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.