Estudantes da UFBA criam “onde eu fui roubado”


Concebido há cerca de um ano pelos estudantes Márcio Vicente e Felipe Norton, ambos de 22 anos, que estão no 7ª semestre do curso Ciências da Computação da Universidade Federal da Bahia (UFBA), em Salvador, o projeto tem por objetivo, mapear através de informações de usuários deixadas em um site que hospeda a ferramenta, os locais onde foram registradas ocorrências policiais, como roubo ou furto de objetos. Batizado de “Onde fui roubado”, o projeto está em fase de conclusão e deve estar disponível para os usuários em meados de junho. A ideia dos estudantes baianos é que o site receba acessos de todo o Brasil e que seja um serviço prestado à população, além de servir de auxílio para a polícia. Vicente conta que a ideia surgiu a partir de uma conversa com o colega. Os dois pensaram no projeto, fizeram uma pausa e retomaram a ideia no início de 2013. O sistema do “Onde fui roubado” vai funcionar com auxílio de mapas do Google. (do G1, editado por Oeste Global)

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.