Formosa: Vereador Pilosão esclarece seu posicionamento político e desmistifica falácias

O vereador Juraci Barbosa de Oliveira, popular Pilosão (PMDB), anda chateado com afirmações que andam sendo veiculadas sobre sua adesão ao executivo municipal e ao prefeito de Formosa do Rio Preto. “Usaram meu nome indevidamente e deturparam minha fala”, disse o edil em pronunciamento feito na rádio Cidade FM.
Pilosão procurou nossa reportagem para esclarecer as (des)informações publicadas em jornal impresso, onde afirma que de fato aconteceu o “Bate papo” com um periódico impresso. “Recebi convite do jornal para matéria, onde me ofereceram uma página para que eu pudesse expressar minhas opiniões, foi o que fiz. Na referida matéria, discorri sobre reunião que aconteceu na fazenda Universo com o secretário da Agricultura Eduardo Sales no dia 10 de maio, ao término do evento que lançou oficialmente a campanha de Febre aftosa (ver aqui), sobre a solicitação de reforma da quadra de esportes Abi Lisboa, solicitação que fiz para implantação de Sistema de Abastecimento de Água para as comunidades do Sucuriú e Ouro (ver aqui) e sobre aumentou salarial para professores municipais (ver aqui)”, falou.
Segundo fala do vereador Pilosão, a manipulação de suas palavras aconteceram de forma desrespeitosa por parte de pessoas a qual tem muita estima e respeito. “Formosa é uma cidade onde todos se conhecem, creio ser desnecessária a utilização de métodos torpes para atingirem os seus fins”, lamentou o edil.
Seguindo em seus esclarecimento, Pilosão disse: “A referida publicação, e o veículo estão em descrédito, concordo com quase tudo o que relataram, porém não admitido que me imputem algo no qual não disse. Eu fui eleito pelo PMDB e pela oposição de Formosa e junto com outros 5 vereadores estamos todos pelos interesses da população. Eu disse ao jornal que é nessa linha que pretendo continuar trabalhando e não (como escreveram) apoiando o prefeito Jabes Júnior. Tenho meu DNA de oposição, discordo de muitos mal feitos e desmandos que estão acontecendo na nossa querida cidade. Vou continuar cobrando, reivindicando sempre a favor do coletivo, nunca para beneficiar interesses pessoais ou próprios”, desabafou o edil.
Questionado se ele acredita que existam interesses ocultos na veiculação da matéria, Pilosão declarou: “Não me causa estranheza, um assessor nomeado pelo próprio prefeito, e também outros que mantém estreita relação com Jabes Júnior, serem os responsáveis pelo jornal. Desconfio que querem desestruturar o G6 (grupos dos 6 vereadores de oposição). Tenho muito respeito pela imprensa e sou ávido defensor da liberdade de expressão, porém é preciso responsabilidade e compromisso com a verdade”, concluiu. 
You can leave a response, or trackback from your own site.

Leave a Reply