“Furdúncio” marca Audiência Pública sobre Fábrica de Sal em Ribeirão Pires.

  12744715_995420827197844_4434309750807389042_n

Organizados como torcidas de times de futebol defensores e contrários ao projeto do poder executivo de entregar à área da Fábrica de Sal a iniciativa privada para a construção de um Shopping Center participaram de audiência pública nesta quinta-feira (18). Em debates apaixonados, não faltaram ataques verbais e até mesmo foram feitos registros pela imprensa regional de agressões físicas.

12734217_995420727197854_6238482286980084241_n

Recentemente, a pedido do vereador Renato Foresto (PT) O Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo emitiu liminar que proíbe a demolição da Fábrica de Sal onde o juiz Walter de Oliveira Junior ainda obriga o Poder Municipal a colocar a Guarda Municipal para proteger o local 24h por dia até que haja posicionamento de processo por parte do  CONDEPHAAT  sob o tombamento do patrimônio público.

10372558_763611120449942_8093181391359991295_n

Durante a audiência, a vereadora diva do Posto (PR) confrontou o presidente da Câmara de vereadores quando o mesmo afirmou caso não houvesse ordem a audiência seria cancelada, conforme registro realizado pelo jornal “Folha de Ribeirão Pires”.

You can leave a response, or trackback from your own site.

Leave a Reply