Hacker de 19 anos afirma ter fraudado eleições municipais


Um hacker de 19 anos, por segurança identificado como Rangel, afirmou nesta segunda-feira (10) durante o seminário “A urna eletrônica é confiável?” na Sociedade de Engenheiros e Arquitetos do Rio de Janeiro (SEAERJ), que conseguiu interceptar os dados das urnas e modificar os resultados no caminho até os computadores da Justiça Eleitoral sem que nada fosse oficialmente detectado. Acompanhado pelo especialista em transmissão de dados, Reinaldo Mendonça, e do delegado de polícia, Alexandre Neto, em um auditório com mais de 100 pessoas, Rangel ainda confessou ter beneficiado o deputado Paulo Melo (PMDB), atual presidente da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro. De acordo com reportagem do Portal do PDT, Rangel atuava em um pequeno grupo em benefício de políticos  na região dos Lagos. O jovem já prestou depoimento à Polícia Federal e vive sob proteção policial. Para saber mais clique aqui.

You can leave a response, or trackback from your own site.

Leave a Reply