Hospital do Oeste: Garoto de seis anos morre por falta de vaga na UTI

Portal Nova Fronteira
Um garoto de 6 anos morreu, na madrugada desta segunda-feira, 02, à espera de uma vaga na UTI do Hospital do Oeste, em Barreiras, Oeste da Bahia. O menino tinha problemas cardíacos e estava internado em uma unidade de pronto atendimento, em estado grave, desde o dia 18 de agosto. Ele foi diagnosticado com problemas de coração e pneumonia, em Luís Eduardo Magalhães, onde morava com a família. De acordo com familiares, o médico do posto onde o garoto foi atendido pediu encaminhamento imediato do paciente para o HO, mas a transferência foi negada com a justificativa de que não havia vagas na UTI. A família do garoto informou que chegou a tentar uma vaga em outros hospitais em Salvador, mas não conseguiu. Segundo familiares, o menino só foi transferido para o Hospital, em Barreiras, quando o Conselho Tutelar de Luís Eduardo Magalhães pediu ao Ministério Público para que a vaga na UTI fosse disponibilizada. O menino ficou ainda quatro dias na pediatria do Hospital do Oeste e só depois foi para a UTI. Segundo o Hospital do Oeste, a criança deu entrada na unidade com quadro de pneumonia e suspeita de insuficiência cardíaca. Ainda de acordo com a direção da unidade de saúde, o garoto ficou na UTI pediátrica recebendo todos os cuidados necessários, mas precisava fazer um ecocardiograma, que não é realizado na unidade. O exame estava marcado em uma clínica particular para ser feito na manhã de hoje.

Deixe uma resposta