Joaquim Barbosa: “Não posso ser presidente do Brasil por causa da minha franqueza”


Em entrevista à Bloomberg, presidente do Supremo Tribunal Federal, Joaquim Barbosa, descarta possibilidade de concorrer à Presidência e diz que não é político. Em pesquisa realizada pelo Instituto Ipespe, 24% dos entrevistado votariam “com certeza” nele e 26% admitiram que poderiam votar. Na mesma entrevista, a Bloomberg perguntou se o ministro não achava irônico que o Brasil estivesse adotando políticas afirmativas em relação aos negros no momento em que os Estados Unidos parecem estar se distanciando delas. “Não é irônico porque os EUA já fizeram muito. O Brasil está começando a fazer alguma coisa”, afirma Barbosa.

Deixe uma resposta