Prefeitura de Ribeirão Pires convocará professores aprovados em concurso realizado no início de 2016.

Após alguns desencontros de informações de que a prefeitura não realizaria processo seletivo para reposição de professores para o próximo ano letivo ainda neste mês de dezembro, está reportagem conseguiu contato com o prefeito Saulo Benevides – no final da manhã desta sexta-feira (02) – que afirmou que em função de questões legais estaria convocando os aprovado em concurso público realizado em abril deste ano.

“Estamos convocando aprovados em certame realizado no início deste ano. Serão aproximadamente 200 aprovados para compor o quadro efetivo municipal”, disse Saulo ressaltando que as convocações acontecem nos próximos dias.

As provas deste concurso foram realizadas no dia 24 de abril de 2016 onde 16.500 inscritos disputaram 430 vagas, sendo destas, 24 Professores B nas disciplinas de Artes (3); Ciências (3); Educação Física (3); Geografia (3); História (3); Inglês (3); Matemática (3); Português (3); 50 Professores A (1ª a 4ª Série e Pré-escola) e 100 Professores de Desenvolvimento Infantil.

Segundo a presidente do Sineduc (entidade sindical que representa a categoria, Perla de Freitas, é preciso reconhecer a decisão acertada da prefeitura, mas algumas ponderações precisam ser feitas.

“O Sineduc sempre defendeu o concurso público como forma de não precarização do trabalho docente, mas entendemos que seja necessário a contratação temporária uma vez que nem todos os cargos podem ser ocupados por concursados”, disse Perla de Freitas.

Segundo ainda a sindicalista diversos professores que estão as vésperas do termino do contrato estão procurando o Sineduc para maiores esclarecimentos.

“O sindicato está recebendo o contato de diversos professores em busca de informações de que se haverá ou não processo seletivo ainda este mês. Como entidade que representa os trabalhadores não vamos nos omitir na defesa dos interesses. Essa é a nossa obrigação institucional! Ainda que os aprovados sejam convocados, certamente faltará número de professores para preencher as necessidades das escolas. Estamos entrando em contato com a Secretária de Educação para agendamento de uma reunião onde iremos argumentar sobre a necessidade de realização de um processo seletivo o quanto antes. É preciso que se encontre caminhos para a questão”, concluiu.

Estima-se que atualmente a prefeitura tenha 549 professores contratados, sendo que a expectativa é de que 422 sejam dispensados.

Deixe uma resposta