Recicladores da Cooperpires reclamam do atraso de pagamento da prefeitura de Ribeirão.

cooperpires

A vice-presidente da Cooperpires, Joana Dark Pereira Costa, ocupou a tribuna popular da Câmara de vereadores nesta última terça-feira (20) para protestar contra atrasos nos repasses da prefeitura para o pagamento dos salários dos cooperados.

Segundo Joana Dark, o contrato foi assinado no mês de março e os atrasos são constantes.

“Assinamos um contrato onde foi acordado o pagamento de R$ 505,00 (quinhentos e cinco) reais a tonelada de material reciclado coletado em residências, mas infelizmente os atrasos nos pagamentos são constantes”.

A recicladora disse ainda que os atrasos estão trazendo grandes prejuízos a Cooperpires que vê a cada dia a redução do número de trabalhadores.

“Hoje somos 18 catadores, mas já fomos 28. Muitos estão procurando outros trabalhos porque os atrasos nos pagamentos dificultam a vida”, argumentou.

Reivindicando respeito e igualdade de tratamento, Joana comparou a Cooperpires com a Empresa Lara.

“Será que se atrasarem o pagamento da Lara ela vai continuar a fazer coleta de Lixo? Nós temos a mesma lógica que ela! O nosso contrato só prevê manutenção de nossos equipamentos no galpão, mas combustível e outros custos são todos de nossa responsabilidade. Em reunião na prefeitura, um homem que nos atendeu disse que vai fazer o pagamento, mas que está priorizando pagamentos e que o negócio era aguardar. Precisamos receber esse dinheiro pra poder comprar alimento, tocar a nossa vida e também para investir e aumentar a nossa renda com a coleta. Esse contrato de certa forma nos ajudou muito porque antes tirávamos uns R$ 400,00 e hoje estamos chegando a quase R$ 900,00. Pedimos ajuda a todos os que puderem nos ajudar”, disse.

Questionada sobre a importância do trabalho desenvolvido pela Cooperpires, Joana Dark disse:

“Nós não olhamos só a renda, ela é importante, mas não é tudo! Vejo que o nosso trabalho é muito importante porque quando tiramos reciclado da rua economizamos em recursos naturais, evitamos entupimentos de rio e ajudamos o meio ambiente com a economia de água. Infelizmente somos muito desvalorizados e isso não é exclusividade só de Ribeirão Pires, isso é em todo lugar.”

O caminhão que a Cooperpires se utiliza foi conquistado através de parceria com o Governo Federal no ano de 2012.

You can leave a response, or trackback from your own site.

Leave a Reply