Ribeirão Pires: Ministério das Cidades libera R$ 1.763.366,00 para construção de viaduto para transposição de via férrea.

A Controladoria Geral da União, via e-mail encaminhou informação ao Blog Caso de Política que no dia 18 de agosto de 2017 foi liberado R$ 1.763.366,00 para construção de viaduto para transposição de via férrea, obra esta, que ligará o centro de Ribeirão Pires ao centro alto.

O convênio com o governo Federal foi assinado em 13/11/2014 na gestão do ex-prefeito Saulo Benevides, a obra tem previsão de investimento na ordem de R$ 58.445.542,13.

Ribeirão Pires é dividida pela linha férrea e conta com apenas duas travessias nos extremos da área central: ponte da Vila Ema, na altura da entrada do bairro Vila Gomes, e outra, que passa por baixo da linha férrea, localizada na Avenida Kaethe Richers, sentido Rio Grande da Serra. Estima-se que o percurso entre o Centro e o Centro Alto seja realizado em sete minutos.

Segundo o projeto apresentado em coletiva com a imprensa em 06 de setembro “no viaduto também foi projetado uma ligação entre a rua Humberto de Campos, o viaduto e a avenida Rotary, através de um viário com ciclovia costeando o rio Ribeirão Pires.

O início das obras estão atrasadas, sendo que o prazo de execução da obra é de 24 meses, porém o contrato tem vigência até 30/12/2018. O recurso de R$ 55,9 milhões é proveniente do PAC Mobilidade e virá do Orçamento Geral da União (OGU).

O projeto possui extensão aproximada de 2.710 metros. É constituído por alguns elementos como: obras de adequações nas vias e viário novo, ciclovia, muro de contenção, ponte estaiada e viaduto.

You can leave a response, or trackback from your own site.

Leave a Reply