Ribeirão Pires promove mutirão contra o Aedes aegypt.

A Secretaria de Saúde e Higiene da Prefeitura de Ribeirão Pires está reforçando as ações de combate ao Aedes aegypt, vetor de doenças como a dengue, zika, febre amarela e chikungunya. Neste sábado, agentes comunitários de saúde da rede municipal e profissionais da Vigilância à Saúde participaram de mutirão contra o mosquito na cidade. Durante o dia, as equipes visitaram cerca de mil imóveis localizados na Vila Aurora, trecho do Centro Alto e Vila Marqueza.

A ação é realizada todos os sábados, casa a casa, com o objetivo de disseminar informação sobre combate ao Aedes aeypt e vetores de outras arboviroses (vírus transmitidos por mosquitos), sintomas das doenças transmitidas e serviços de saúde disponíveis na rede municipal para diagnóstico e tratamento. Desde janeiro deste ano até o final deste mês, a Prefeitura já visitou cerca de sete mil imóveis.

“Nossas equipes são sempre bem recebidas pela população, que recebe orientação sobre o Aedes aegypt. A melhor forma de combate às doenças como dengue, febre amarela, zika e chikungunya é a conscientização e a prevenção. Quando todos estão mobilizados, é possível vencer o problema”, afirmou a secretária de Saúde e Higiene de Ribeirão Pires, Patrícia Freitas.

Nas visitas casa a casa, além de orientar e entregar materiais informativos, as equipes da saúde verificam a existência de possíveis criadouros de lavas do mosquito. Esses locais – pneus, recipientes de vasos de planta – são indicados pelos profissionais. Para os casos de caixas d´água descobertas, a Prefeitura disponibiliza as chamadas toucas, que são redes de proteção, para evitar a proliferação no local.

O mutirão de combate ao Aedes aegypt, que segue calendário estadual, terá continuidade em abril. A ação de reforço no combate ao mosquito também foi realizada nos períodos de março a maio de 2016 e de setembro a outubro do último ano.

Deixe uma resposta