Saulo pretende fechar creche no jardim Aprazível e pais de alunos protestam.

_DSC0340

Pais de alunos da escola municipal Mercedes D’orto no jardim Aprazível em Ouro Fino Paulista.

Com 62 alunos matriculados no estabelecimento educacional, a creche do Jardim Aprazível em Ouro Fino está as vésperas de ser fechada em função da inauguração de uma nova unidade escolar. A confirmação foi dada em reunião do prefeito Saulo Benevides com pais de alunos e representantes da comunidade nesta terça-feira (28) na sede administrativa do município.

Da Tribuna, durante a sessão ordinária da Câmara de vereadores, a presidente da Associação dos Moradores do Jardim Aprazível (AMJA), Dulceli Batista da Silva Rodrigues afirmou que a população não está disposta a baixar a cabeça para o prefeito.

_DSC0550

“Lá estão crianças de 6 meses a 4 anos de idade. O único bem que temos é a creche e não há condições para o transporte escolar adequado uma vez que a única pessoa que dispõe de veículo adequado já afirmou que não transportará para a nova escola. Estivemos conversando com ele que se encontra irredutível e diz que vai fechar. Isso é um verdadeiro absurdo pois não se fecha uma unidade escolar. Se não tivermos resposta até está quinta-feira os prejudicados do Aprazível vão ocupar o prédio Mercedes D’orto”, afirmou.

_DSC0336

Mãe com filho de 10 meses terá que andar cerca de 10 quilômetros até a nova escola

Vários atos de protestos foram realizados contra o fechamento da unidade, o último deles na quinta-feira (23) quando esta reportagem ouviu de pais e mães as dificuldades que serão enfrentadas caso se concretize a vontade de fechamento da unidade escolar.

_DSC0344

Imagem da futura unidade escolar inacabada capturada em 23/06/2016

O Blog Caso de Política em 06 de maio fez matéria no local que pode ser acessada clicando aqui.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.