“Se as Entidades são importantes para o Governo, porque não mandaram o projeto no início do ano?”, diz Amigão D’orto.

Após breve cumprimento aos presentes à sessão extraordinária nesta segunda-feira (05), convocada com fim único de votar dois projetos, o vice-presidente da Câmara de vereadores de Ribeirão Pires, Amigão D’orto, da Tribuna parabenizou o trabalho dos três membros da Comissão de Finanças e Orçamento que no dia 1º de fevereiro, primeira sessão de 2018, desempenhou sua atribuição e prerrogativa de fiscalizar atos do executivo.

“Não posso deixar de cumprimentar os membros da Comissão de Finanças e Orçamento que em momento único nesta Casa, pararam para analisar um projeto. Projeto que é muito importante para vocês que estão aí e também é muito importante para nós que estamos aqui,” disse.

Seguindo: “Não posso esquecer de cumprimentar o nosso secretário de Assuntos Estratégicos, João Mancuso que vibrou com a aprovação do projeto. Desculpa seu João, desculpa se eu for meio áspero com as minhas palavras, mas eu entendi a sua vibração como uma vitória, algo que seja contra nós. Não é desse jeito João! Nós estamos aqui pela população de Ribeirão de Ribeirão Pires. Você não precisaria ter vindo aqui para tentar impor a sua situação para alguns nem ter feito reuniões nem ter feito reuniões como foi feito sem convidar nenhum membro da comissão de Finanças e Orçamento e nenhum membro desta Casa de Leis. Esse ano eu falei que seria diferente, mas esse tipo de ação, de atitude truculenta do governo me incomoda e não foi para isso que eu fui eleito”.

“Se fala tanto em respeito e bom senso aqui nessa tribuna, porque esse projeto não veio no começo do ano… Se esse projeto é tão importante porque não veio no começo do ano”.

Secretário de assuntos Estratégicos, João Mancuso, acompanhou sessão em que vereadores autorizam executivo a repassar verba para Entidades Assistenciais

O secretário João Mancuso que momentos antes foi impedido de permanecer em espaço reservado aos vereadores e servidores da Casa tentou barrar o vereador Amigão D’orto em total desrespeito ao orador que se encontrava na Tribuna.

“Se o senhor quiser subir aqui o senhor está convida. O senhor quer se explicar daqui?”

Na sessão do dia 1º de fevereiro, conforme registrou o blog Caso de Política, o secretário Mancuso adentrou as dependências da Câmara pressionando vereadores e desrespeitando servidores em seu exercício de função. Alguns vereadores afirmaram que Mancuso é arrogante e mal-educado. Leia a matéria clicando aqui.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.