Arquivos de Tag: Professor Amaury

Vereador Amaury Dias faz avaliação de seu mandato em Ribeirão Pires.

O vereador Amaury Dias (PV) vem ampliando o seu canal de comunicação com a população. O parlamentar tem feito de seu gabinete um verdadeiro espaço democrático e também acessível a toda a população do município.

“Um político colocar o seu mandato a disposição da população é questão básica. Com o apoio de minha assessoria temos desde o início do mandato, páginas no Twitter, Facebook, Instagram e Youtube e recentemente desenvolvemos também um site do mandato para aproximar ainda mais a população. Mas mesmo com todos esses canais de comunicação, não deixamos de receber pessoalmente o cidadão no gabinete ou mesmo de realizar visitas nos bairros”, disse Amaury.

Segundo o vereador, frutos positivos estão sendo colhidos. “Estou em meu primeiro mandato como vereador em Ribeirão Pires. Tive um primeiro ano de muito aprendizado e muitas dificuldades. Passado esse primeiro ano, sinto que o meu mandato de vereador amadureceu e conseguimos ampliar o nosso trabalho”, argumentou.

Justificando a sua fala, o parlamentar disse que no ano de 2017, somados os meses de fevereiro, março e abril, foram apresentados 34 documentos na Câmara solicitando melhoria na cidade, sempre ouvido as reivindicações do povo. No mesmo período de 2018, o gabinete do vereador Amaury Dias expediu 46% a mais que no ano anterior.

Questionado sobre o principal Projeto foi defendido por seu mandato, o vereador Amaury respondeu: “Essa é uma pergunta muito difícil de responder. Sempre ouvindo a população e técnico em diversas áreas, presentamos projetos em diversos setores. Meio ambiente, saúde, emprego, além de indicações de execução de serviços nos diversos bairros de Ribeirão Pires. Talvez um que tenha um pouco mais de relevância, seja a indicação que pede a instalação da Universidade Estadual na cidade. Acredito que a educação e o conhecimento sejam os maiores bens que uma pessoa possa ter”, disse.

“Estamos trabalhando com seriedade, reconheço que haja pontos a ser melhorado no mandato, para tanto peço que entrem em contato com o mandato através das redes sociais ou pessoalmente em nosso gabinete, desta forma queremos fazer um mandato cada vez mais próximo da realidade do povo e antenado nas necessidades de toda cidade

Para saber mais sobre o vereador Amaury Dias, clique aqui.

Vereador Amaury protocola diversos ofícios junto a prefeitura de Ribeirão Pires.

O vereador Amaury Dias (PV), protocolou no final da tarde desta terça-feira (06), ofícios solicitando diversas melhorias em Ribeirão Pires. São inúmeras solicitações, mas os que predominam são na área de infraestrutura, limpeza urbana, saúde e educação.

“Protocolamos hoje na prefeitura, ofícios oriundos de reuniões que fizemos com munícipes nos bairros no fim de semana, solicitações via gabinete e gabinete online”, disse.

O parlamentar tem se destacado desde o início desta legislatura por visitar várias localidades da cidade, prospectando os problemas enfrentados pela população e requerendo as devidas soluções.

“Iremos fiscalizar os andamentos destas solicitações para que sejam realizadas na maior brevidade possível”, argumentou o edil.

Segundo ainda Amaury Dias “ofícios, indicações e requerimentos são instrumentos utilizados para que vereadores e a Câmara Municipal possa fazer cobrança imediata ao Executivo que tem por compromisso encaminhar à secretaria ou órgão responsável pela execução do serviço”, finalizou.

Na quinta-feira, a diplomação dos candidatos eleitos em Ribeirão Pires.

Acontecerá nesta quinta-feira (15), a diplomação dos eleitos nas eleições de 2016 onde o prefeito eleito Kiko Teixeira, seu vice, Gabriel Roncon e 17 vereadores receberam os seus respectivos diplomas no Hotel Escola em evento programa a partir da 14 horas.

Gabriel Roncon e Kiko Teixeira, vice e prefeito eleitos respectivamente

O Hotel Escola está situado na rua Diamantino de Oliveira, 220 no Jardim Pastoril. Kiko Teixeira (PSB) será diplomado em momento em que sua candidatura é questionada na Justiça. Kiko foi condenado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) que o enquadrou na Lei da Ficha Limpa, o que o deixou inelegível pelo prazo de oito anos. Sua posse em 1º de janeiro de 2017 é uma incógnita, sendo que no momento (até que haja julgamento por parte do Tribunal Superior Eleitoral sobre a legalidade de seu registro eleitoral).

Vereadores eleitos

TSE fará cinco sessões plenárias de 13 a 16 de dezembro

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) realizará cinco sessões plenárias esta semana. Além das sessões ordinárias jurisdicionais e administrativas de terça e quinta-feira (13 e 15 de dezembro), a Corte Eleitoral fará sessões extraordinárias jurisdicionais e administrativas na quarta e quinta-feira (14 e 15 dezembro), a partir das 19h, e na sexta-feira (16), a partir das 9h.

Dessa forma, o Plenário do TSE se reunirá na quinta-feira (15) por duas vezes em sessão para o julgamento de processos, às 9h e às 19h.

A sessão de encerramento do ano forense do TSE ocorrerá na segunda-feira (19), às 12h. Já a sessão de abertura do primeiro semestre forense de 2017 está marcada para o dia 1º de fevereiro, quarta-feira, às 19h. para saber mais, clique aqui, aqui, aqui e aqui.

Cidadãos pedem prioridade no julgamento de crimes contra a administração

O julgamento dos crimes contra a administração, como corrupção, lavagem de dinheiro, improbidade administrativa, bem como as ações judiciais que discutam benefícios previdenciários, devem ser as prioridades da Justiça Federal em 2017. É o que pensam as mais de 13,7 mil pessoas que participaram da pesquisa Governança Participativa, realizada pelo Conselho da Justiça Federal (CJF), no período de 15 de agosto a 2 de setembro de 2016, e que abrangeu as 27 unidades da Federação.

O objetivo da enquete era entender a opinião de cidadãos, advogados, magistrados e servidores sobre quais temas deveriam ser convertidos em metas e prioridades para o próximo ano. A opinião dos usuários e operadores da Justiça vai reforçar a permanência das metas já estabelecidas ou apontar para a necessidade de priorização de outros temas.

Leia aqui e leia  a reportagem completa no site do Conselho da Justiça Federal.