Arquivos de Tag: Suzano

Criminosos explodem carro-forte e levam armas de vigilantes em Suzano

   

Assaltantes interditaram trecho do Rodoanel próximo a Suzano, houve troca de tiros

Explosivos acionados por assaltantes destruiu o carro forte da empresa Protege

Criminosos roubaram um carro-forte em Suzano, na noite desta segunda-feira (24). Eles interditaram um trecho do Rodoanel Leste e, com armas de grosso calibre e explosivos, levaram parte dos malotes de dinheiro que eram transportados.

A porta, com a forte explosão foi arremessada a 10 metros

Segundo informações da Polícia, a ação começou por volta das 19 horas. Quando chegaram ao local, na altura do Km 105, os policiais encontraram o veículo de transporte de valores com diversas marcas de perfuração e o cofre estourado. Várias munições estavam espalhadas pela via. O carro forte foi perseguido por dois veículos, um Renault Duster e uma Mitsubishi Pajero. Os veículos emparelharam com ele e os criminosos atiraram contra o carro-forte. As balas atingiram o motor, o que obrigou o veículo a parar.

Na via, fragmentos do carro forte

Com explosivos, os criminosos tiveram acesso ao cofre, levaram malotes de dinheiro e fugiram. A Polícia Militar informou que os agentes da transportadora reagiram à ação e houve troca de tiros. Ninguém se feriu. Além do dinheiro, os ladrões levaram as armas dos vigilantes.

A ocorrência foi registrada no 1° Distrito Policial de Suzano. O grupo Protege não informou o valor roubado, mas disse que “colabora com as autoridades na investigação em curso”.

Homem é encontrado morto na Estrada dos Fernandes em Ribeirão Pires.

Um homem aparentado entre 20 e 30 anos foi encontrado na madruga do dia 23 de agosto na Estrada dos Fernandes em Ribeirão Pires. Pelas características do crime, a fortes indícios de execução.

A vítima que ainda não foi identificada pela Polícia, tinha 1,70 de altura, tinha a pele branca, trajava camiseta azul clara, estava de chinelos, usava bermuda jeans e uma jaqueta de cor preta, foi encontrado no acostamento da via por policiais militares que foram acionados por populares. O local fica na chácara Paraíso, próximo a divisa de Ribeirão Pires com a cidade de Suzano.

O individuo apresentava três marcas de perfuração provocadas por disparo de arma de fogo, sendo uma na testa, uma no tórax do lado esquerdo e uma no antebraço direito. O local era isolado, sem iluminação e cercado por denso matagal.

O local foi preservado pelos militares até a chegada da perícia técnica. Com o homem já morto, não foi encontrado nenhum documento que possa identifica-lo uma vez que o mesmo não portava carteira ou quaisquer outros pertences.

ROMU de Ribeirão Pires inicia capacitação da GCM de Suzano

Experiência da Guarda Municipal da Estância é referência para treinamento de corporações de municípios da região

Efetivo da equipe da ROMU da Prefeitura de Ribeirão Pires, ligada à Secretaria de Segurança Pública do município, iniciou, na manhã desta segunda-feira, dia 6, capacitação de integrantes da Guarda Civil Municipal de Suzano com o Curso de Operações Táticas da ROMU. No total, nove GCMs da cidade vizinha à Estância, que passaram a compor a ROMU do município, participam do curso, que segue até 25 de outubro.

“Nosso efetivo possui profissionais capacitados, que são exemplos para diversas corporações na região. Temos investido em qualificação e valorização da Guarda Civil Municipal para melhorarmos o atendimento à população, fortalecendo a segurança no município”, afirma o secretário de Segurança Pública da Estância, coronel José Luis Martins Navarro.

Entre os temas abordados durante o curso estão: conduta de patrulha; verbalização e abordagem (veículos e transeuntes), manuseio do armamento correto dentro e fora da viatura, preservação da integridade física do GCM, terceiros e do agressor, como conduzir corretamente a viatura, sinais sonoros e luminosos usados na viatura.

Participaram deste primeiro momento, o instrutor de patrulhamento tático e professor do Método Giraldi, Sub-comandante Carlos Douglas Furlani; instrutor de patrulhamento tático, Comandante da GCM Sandro Torres Amante; e pelo instrutor de controle de distúrbio civil, 1ª Classe da GCM Rogério Simões; a inspetora do gabinete de instrução e educadora física, Angela Cristina da Silva; inspetor Aparecido Carmo Meira e inspetor Antonio Carlos.

“É motivo de orgulho participar desta capacitação. Desta maneira, não ficaremos limitados ao patrulhamento local, já que a GCM de Ribeirão Pires possui trabalho integrado com as demais cidades da região. Com a formação específica em treinamento tático poderemos atender ocorrências de maior potencial”, explicou o aluno 1ª Classe da GCM de Suzano, Rodrigo Kanashiro.

Inscrições para Concurso Público de Suzano começam nessa quarta-feira (08)

A Prefeitura Municipal de Suzano receberá as inscrições para o edital de concurso n°. 002/2018, que é exclusivamente voltado para a recomposição de 98 vagas na área da Educação. A organização do concurso está sob a responsabilidade a Fundação VUNESP.

Os cargos disponíveis são Agente de Segurança Escolar, Agente Escolar, Auxiliar de Atividades Escolares, Auxiliar de Desenvolvimento Educacional, Auxiliar de Secretaria, Cozinheiro Escolar, Diretor de Escola, Motorista de Transporte Escolar, Operador de Som e Luz, Professor de Educação Básica Adjunto, Professor de Educação Básica I 30 horas, Professor de Educação Básica II (Artes e Educação Física) e Secretário de Escola.

Estas oportunidades poderão ser disputadas por candidatos de níveis fundamental, médio e superior. Os salários podem variar de um mínimo de R$ 1.470,85 a até o máximo de R$ 5.577,38.

Além do salário básico, a Prefeitura oferece benefícios como: Auxilio Alimentação, Cesta Básica e Vale Transporte. A escala e os horários de trabalho serão definidos com base na jornada semanal de trabalho de cada cargo, conforme a legislação municipal.

As inscrições ficarão abertas no período das 10h de 08 de agosto às 23h59min (horário de Brasília) de 12 de setembro de 2018, exclusivamente pelo site da VUNESP: www.vunesp.com.br. A taxa a ser paga custa R$ 37,50, R$ 48,50 ou R$ 81,00.

O concurso será composto por prova objetiva de conhecimentos gerais e específicos, aplicada a todos os candidatos, além de prova de títulos, prova prática, de acordo com o cargo pretendido.

No dia 21 de outubro de 2018 está prevista a aplicação da prova objetiva, nos seguintes turnos:

Manhã: Agente de Segurança Escolar; Cozinheiro Escolar; Auxiliar de Atividades Escolares, Auxiliar de Secretaria; Diretor de Escola; Professor de Educação Básica I –30 horas.

Tarde: Agente Escolar; Motorista de Transporte Escolar; Auxiliar de Desenvolvimento Educacional; Operador de Som e Luz; Secretáriode Escola; Professor de Educação Básica Adjunto; Professor de Educação Básica II(Artes)e Professor de Educação Básica (Educação Física).

A duração da prova objetiva será de três horas ou três horas e meia, conforme o cargo, e essa avaliação será composta de questões de múltipla escolha com cinco alternativas cada uma.

A prova prática, de caráter eliminatório e classificatório, permitirá avaliar o grau de conhecimento e as habilidades do candidato por meio de demonstração prática das atividades a serem desempenhadas no exercício do cargo.

Já a prova de títulos, exclusivamente para os cargos de Diretor de Escola, Professor de Educação Básica Adjunto, Professor de Educação Básica –30 horas, Professor de Educação Básica II (Artes) e Professor de Educação Básico II (Educação Física), terá caráter classificatório e visará avaliar a complementação da formação acadêmica.

O prazo de validade do concurso Prefeitura de Suzano será de um ano, passível de ser prorrogado. Os candidatos aprovados e que forem convocados para posse serão submetidos ao regime estatutário instituído por lei e essa posse ocorrerá em até 15 dias após a assinatura do Termo de Nomeação, prorrogável por igual período.

Cão é resgatado após ser amarrado em linha do trem e ter pata amputada

Um cachorro foi resgatado por moradores após ser amarrado na linha do trem e ter a pata amputada na tarde da última terça-feira (31). O animal foi levado para uma clínica veterinária e não corre risco de morrer.

De acordo com a protetora de animais Paola Giordani, presidente da ONG União Protetora dos Animais, o grupo recebeu um chamado para atender um caso de maus-tratos com o animal amarrado na linha do trem por volta das 15h. Chegando ao local, ela encontrou o cão parcialmente desamarrado e sangrando próximo ao trilho, trecho próximo do bairro São Roque em Lorena (SP).

A cidade já registrou outros casos de cães amarrados na linha férrea e, segundo Paola, havia dois corpos de cachorros em decomposição próximo ao animal resgatado na última terça.

“Cheguei ao local logo em seguida do ocorrido e o cãozinho estava em estado de choque. Um morador chegou a ver o momento em que o trem passou, mas não conseguiu salvar ele a tempo. Além de o trem ter decepado uma das patas dianteiras, ele teve o maxilar machucado e parte de uma orelha cortada. Não sabemos como ele conseguiu se soltar. Foi Deus”, disse.

A presidente da ONG ainda informou que pretende registrar um boletim de ocorrência nesta quarta (1º).

Procurada, a Prefeitura de Lorena informou que repudia o ocorrido e que a orientação é que caso algum morador presencie algum caso parecido acione a Polícia Militar.

A MRS, operadora de logística que administra as operações ferroviárias no trecho, informou que não tem câmeras nem outro meio para ajudar as autoridades a coibirem a crueldade.

Abaixo, moradora segura cordas usadas para amarrar cão na linha férrea em Lorena.

Alça de acesso do Rodoanel para Ribeirão Pires e Suzano é adiada.

Anunciada há dois anos pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB), a construção de outra alça de acesso ao Trecho Leste do Rodoanel Mário Covas, desta vez na divisa de Ribeirão Pires com Suzano, novamente foi adiada, agora sem qualquer expectativa de início das obras.

Previsto para ocorrer no segundo semestre deste ano, o início das intervenções esbarra em burocracias na negociação entre Artesp (Agência de Transporte do Estado de São Paulo) e SPMar, concessionária responsável pelos trechos Leste e Sul do anel viário.

Orçado em R$ 160 milhões, o projeto, segundo a Artesp, está em fase de discussões finais. Nesta parte do processo, questões administrativas, econômicas e jurídicas têm sido discutidas pela agência e por representantes da SPMar “com vistas a formalizar o aditivo contratual necessário” para a execução da obra, uma vez que a alça de acesso não estava prevista no contrato inicial de concessão da rodovia.

A medida, segundo o órgão, visa encontrar “as melhores condições possíveis para a instalação da via, considerando o interesse público”. Porém, a discussão tem se arrastado desde fevereiro, quando à época, a Cetesb (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo) emitiu licença de instalação necessária para que a concessionária SPMar iniciasse a construção da alça.

Após o anúncio, a própria Artesp chegou a projetar o início das obras para ocorrer até o fim de 2017. No entanto, nesta semana, questionada pelo Diário sobre o atraso do início da obra, a agência sequer deu prazo para erguer a alça de acesso. Por meio de nota, limitou-se a dizer que a via ainda não foi executada, “pois não integra as obrigações contratuais originais da concessão”, o que obriga o Estado a dialogar com a SPMar.

Prejuízo

Na avaliação do especialista em políticas públicas da FGV/Eaesp, Alexandre Akio Motonaga, o atraso na execução do projeto tem impacto socioeconômico direto para finanças de municípios do Grande ABC. “Ter uma rodovia do porte do Rodoanel é sinônimo de investimento para qualquer cidade, mas no caso de Ribeirão Pires, por exemplo, é ainda mais importante para a captação de tributos, geração de empregos e recolhimento de impostos. Com o atraso, o resultado é um só: perda de investidores e dificuldades orçamentárias”, destaca.

A interligação, que será erguida na Estrada dos Fernandes, na divisa entre Ribeirão Pires e Suzano, além de impulsionar o setor econômico das duas cidades, prevê beneficiar outros 1,4 milhão de habitantes de municípios vizinhos.

Obra pública tem expectativa de gerar 900 empregos diretos na região

Responsável pela construção da alça de acesso ao Trecho Leste do Rodoanel Mário Covas, na divisa de Ribeirão Pires com Suzano, a SPMar – concessionária que cuida da rodovia – projeta a geração de 900 empregos diretos durante a execução do empreendimento.

A expectativa da concessionária é a de que, num período de instabilidade da economia brasileira, o complexo de interligação do Rodoanel com a Estrada dos Fernandes garanta crescimento sustentável para diversas cidades do Grande ABC.

A construção da alça viária consiste em complexo composto por duas pistas (uma em cada sentido), com duas faixas de rolamento cada, com cerca de 2,4 quilômetros de extensão, seis viadutos e um quilômetro de vias marginais.

Dois desses viadutos serão erguidos no entroncamento com o Trecho Leste do Rodoanel, na altura do km 104, em Suzano, próximo à divisa com Ribeirão Pires, assim como a marginal. Outros dois elevados vão ser erguidos para transpor a Estrada do Moreira e os dois últimos, na Estrada dos Fernandes.

Distrito de Palmeiras em Suzano pode ganhar estação da CPTM e receber trens em breve .

cptm-1

Foto de Diego Silva

Gustavo Ferreira, membro do Conseg local disse que nova estação teria trecho interligado a linha 10 da CPTM. Trecho de linha férrea já existe segundo ele. Atualmente a linha 10 da CPTM parte do Brás até Rio Grande da Serra.

Além de um sonho antigo dos moradores do Distrito de Palmeiras, em Suzano, a necessidade da chegada dos Trens da CPTM (Companhia de Trens Metropolitanos) à localidade é enorme, pois, além de facilitar o acesso da população aos municípios do ABC e a capital São Paulo, vai também movimentar a economia local.

Segundo o líder comunitário e membro do Conseg, Gustavo Ferreira, informou que em 2014 já havia uma solicitação a CPTM (Companhia de Trens Metropolitanos) para que o estudo fosse feito, pois a região já conta com cerca de 90 mil moradores. À época, um abaixo assinado com 20 mil assinaturas solicitando a vinda dos trens de passageiros para a região também foi entregue.

Segundo Gustavo, em contrato, há uma previsão que a MRS (empresa que usa o trecho ferroviário para transporte de carga) tem que conceder a linha para o transporte de passageiros. A medida é prevista em contrato desde a década de 1990 pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). Segundo ele também, a MRS nunca teria sido procurada pelo Governo do Estado de São Paulo para tratar do assunto e que a CPTM só teria de eletrificar o trecho para que os trens pudessem passar por ele.

Em 2014, a CPTM informou a um jornal da região que existe uma incompatibilidade dos sistemas do trens de carga e passageiros, uma vez que os trens da companhia são elétricos. “A MRS teria de eletrificar os trilhos dela para que o trem da CPTM possa funcionar. Os sistemas são incompatíveis. Não há estudo para isso. Se fizéssemos isso iríamos retroceder”. O órgão estadual informou ainda que esse tipo de serviço não é disponibilizado em nenhuma cidade do Estado.

A ideia do conselho de moradores é que somente o trecho até Ribeirão Pires dessa linha seja utilizado ligando o Distrito de Palmeiras até aquela cidade, o que reduziria muito os custos de implantação do sistema.

Em Ribeirão Pires, os passageiros do trem vindo do Distrito de Palmeiras fariam baldeação com os trens da linha 10 da CPTM. Gustavo disse que nos próximos dias o Conseg e associações de moradores de bairro de Palmeiras irão pedir novamente reuniões com a CPTM para tratar do assunto. Segundo ele há uma grande possibilidade do grupo ter êxito na vinda dos trens para o distrito de Palmeiras.