Tag Archives: trabalho

Seja estagiário na Justiça Eleitoral. São 600 vagas para estudantes.

Estão abertas, até 25 de fevereiro de 2018, as inscrições para quem quiser ser estagiário do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP). Os aprovados poderão desempenhar funções nas zonas eleitorais do Estado e na Secretaria do Tribunal. É uma oportunidade de trabalhar numa instituição sólida e respeitada no cenário nacional.

São oferecidas mais de 600 vagas e os interessados devem ter, no mínimo, 16 anos de idade e estar cursando o primeiro ou o segundo ano do ensino médio, no ato da inscrição. A carga horária é de quatro horas diárias, com direito a auxílio-transporte no valor de R$ 7,60 por dia estagiado, além de uma bolsa-auxílio de R$ 450,00. Para fazer inscrição, clique aqui.

Mauá: CPTR tem 162 vagas de emprego disponíveis.

Quem está buscando recolocação no mercado de trabalho pode se candidatar a uma das 162 vagas de emprego disponibilizadas pelo CPTR (Centro Público de Trabalho e Renda) de Mauá para a semana entre os dias 5 e 9 de fevereiro (de segunda a sexta-feira). As oportunidades são para trabalhar em Santo André e Mauá.

Das 162 vagas oferecidas, 149 são para pessoas com Ensino Fundamental incompleto, o que corresponde a 92% do total. São 60 vagas para auxiliar de limpeza, 40 para copeiro de hospital, 27 para ajudante de cozinha, 12 para cozinheiro de hospital e dez para lactarista.

As pessoas com Ensino Médio completo têm oito oportunidades, sendo três para operador de injetora de plástico, duas para chefe de serviço de limpeza, uma para instrutor de informática, uma para técnico de programação de produção e uma para zelador.

Por fim, os candidatos com Ensino Fundamental completo podem concorrer a cinco vagas, sendo uma para cada posição: auxiliar de limpeza, conferente de carga e descarga (vaga exclusiva para portadores de deficiência), cozinheiro geral, jardineiro e promotor de vendas.

Para se candidatar aos empregos, é preciso comparecer ao CPTR com RG, CPF e Carteira de Trabalho. O posto está localizado na Rua Manoel Pedro Júnior, 45, na Vila Bocaina, e está aberto ao público de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h.

CPTR Móvel

A van do CPTR (Centro Público de Trabalho e Renda) levará os serviços de emissão de Carteira de Trabalho e intermediação de mão de obra ao longo da semana para os bairros Jardim Maringá, Jardim Adelina e Vila Independência. O atendimento é feito das 9h às 16h e não é necessário reservar horário de atendimento.

Para emitir a documentação é necessário levar RG, CPF, uma foto 3×4 e comprovante de residência. Já para quem quiser buscar uma oportunidade de trabalho, é preciso comparecer ao local de atendimento portando RG, CPF e Carteira de Trabalho. As vagas são oferecidas para munícipes a partir de 16 anos.

Confira os endereços e as datas:

Dias 5 e 6 de fevereiro: Avenida Barão de Mauá, altura do número 3.567, em frente à UPA Barão de Mauá, no Jardim Maringá;

Dias 7 e 8 de fevereiro: Rua São Judas Tadeu, altura do número 81, em frente à EM Américo Perrella, no Jardim Adelina;

Dia 9 de fevereiro: Rua Dom Pedro II, altura do número 232, em frente à EM Darcy Ribeiro, na Vila Independência.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Mauá
Secretaria de Comunicação Social

Com regra de trabalho intermitente, empregado corre risco de ter de pagar para trabalhar.

A Receita Federal divulgou nesta segunda-feira, 27, as regras para o recolhimento da contribuição previdenciária dos trabalhadores intermitentes cujo rendimento mensal ficar abaixo do salário mínimo. Esta é uma situação inédita no País que pode ocorrer com aplicação das normas previstas na reforma trabalhista. O próprio empregado poderá pagar a diferença entre a contribuição incidente sobre o contracheque e o mínimo exigido pela Previdência Social. A regra fará com que, no limite, alguns trabalhadores precisem pagar para trabalhar, caso optem pela contribuição previdenciária.

Como no contrato intermitente o empregado atua apenas quando é convocado, o salário varia conforme o número de horas ou dias trabalhados. Pela lei, deve-se receber, pelo menos, valor proporcional ao salário mínimo pela hora, R$ 4,26, ou pelo dia trabalhado, R$ 31,23. Como o valor do contracheque é base de cálculo para os encargos sociais, os trabalhadores com salário inferior ao mínimo terão recolhimento abaixo do aceito pelo INSS para a contabilidade da aposentadoria.

Diante dessa situação inédita, a legislação prevê que trabalhadores “poderão recolher a diferença” entre a contribuição calculada sobre o contracheque e o mínimo exigido pelo INSS. Quem não recolher esse valor adicional por conta própria não terá acesso à aposentadoria nem a benefícios como a licença médica.

Nesta segunda-feira, a Receita explicou que esse recolhimento extra deverá ser feito pelo próprio trabalhador com base na alíquota de 8% sobre a diferença entre o que recebe e o salário mínimo até o dia 20 do mês seguinte ao salário.

A Receita confirmou a situação que tem gerado reações no mundo sindical e político porque, no limite, é possível que o empregado tenha de tirar dinheiro do próprio bolso para trabalhar. Como exemplo de situação extrema, pode ser citada uma das vagas anunciadas recentemente: operador de caixa intermitente de uma rede de supermercados em Fortaleza, no Ceará.

Para quatro horas por dia, seis vezes por mês, a empresa oferece salário de R$ 4,81 por hora. Com essa carga horária, o salário mensal chegaria a R$ 115,44. Com este valor no contracheque, a contribuição à Previdência paga diretamente pela empresa à Receita seria de R$ 23,09. A contribuição mínima exigida pelo INSS, porém, é de R$ 187,40. Para se adequar à regra da Receita, portanto, o empregado precisaria desembolsar R$ 164,31. Ou seja, mais que o próprio salário, de R$ 115,44. Nesse caso, o trabalhador terminaria o mês devendo R$ 65,03.

Essa possibilidade aberta pela reforma trabalhista gera reações em vários setores. Entre as quase mil emendas ao ajuste da reforma, que ainda será votado pelo Congresso Nacional, algumas tentam mudar radicalmente o funcionamento da Previdência dos intermitentes. O senador José Serra (PSDB-SP), por exemplo, propõe que empregados que receberem menos que mínimo “terão recolhidas pelo empregador a diferença entre a remuneração recebida e o valor do salário mínimo” para o INSS.

Na documentação entregue ao Congresso, o senador explica que a regra prejudicará exatamente trabalhadores de baixa renda. “É demasiado duro para um trabalhador pobre, que recebe abaixo do salário mínimo, contribuir para a previdência de maneira desproporcional, com alíquotas efetivas maiores que a de trabalhadores mais ricos”, diz Serra. “Avaliamos que o trabalho intermitente não pode ser uma mera formalização do bico, da precarização, com papel passado. Temos de fornecer proteção efetiva para esses trabalhadores”, completa.

Por 50 votos a 26, Senado aprova reforma trabalhista de Temer.

Após longas horas de protesto e resistência de senadoras da oposição, que ocuparam a mesa da presidência do Senado para impedir a votação da reforma trabalhista de Michel Temer, os senadores aprovaram o texto-base da proposta pelo placar de 50 votos a 26. A proposta do governo Temer restringe direitos históricos dos trabalhadores.

Veja como votou cada senador (por partido):

DEM

Davi Alcolumbre (AP): Sim

José Agripino (RN): Sim

Maria do Carmo Alves (SE): Ausente

Ronaldo Caiado (GO): Sim

PCdoB

Vanessa Grazziotin (AM): Não

PDT

Acir Gurgacz (RO): Ausente

Ângela Portela (RR): Não

PMDB

Airton Sandoval (SP): Sim

Dário Berger (SC): Sim

Edison Lobão (MA): Sim

Eduardo Braga (AM): Não

Elmano Férrer (PI): Sim

Eunício Oliveira (CE): Não votou

Garibaldi Alves Filho (RN): Sim

Hélio José (DF): Ausente

Jader Barbalho (PA): Sim

João Alberto Souza (MA): Sim

José Maranhão (PB): Sim

Kátia Abreu (TO): Não

Marta Suplicy (SP): Sim

Raimundo Lira (PB): Sim

Renan Calheiros (AL): Não

Roberto Requião (PR): Não

Romero Jucá (RR): Sim

Rose de Freitas (ES): Sim

Simone Tebet (MS): Sim

Valdir Raupp (RO): Sim

Waldemir Moka (MS): Sim

Zezé Perrella (MG): Sim

PODE

Álvaro Dias (PR): Não

Romário (RJ): Não

PP

Ana Amélia (RS): Sim

Benedito de Lira (AL): Sim

Ciro Nogueira (PI): Sim

Gladson Cameli (AC): Sim

Ivo Cassol (RO): Sim

Roberto Muniz (BA): Sim

Wilder Morais (GO): Sim

PPS

Cristovam Buarque (DF): Sim

PRB

Eduardo Lopes (RJ): Sim

PR

Cidinho Santos (MT): Sim

Magno Malta (ES): Sim

Vicentinho Alves (TO): Sim

Wellington Fagundes (MT): Sim

PSB

Antônio Carlos Valadares (SE): Não

Fernando Bezerra Coelho (PE): Sim

João Capiberibe (AP): Não

Lídice da Mata (BA): Não

Lúcia Vânia (GO): Abstenção

Roberto Rocha (MA): Sim

PSC

Pedro Chaves (MS): Sim

PSDB

Aécio Neves (MG): Sim

Antônio Anastasia (MG): Sim

Ataídes Oliveira (TO): Sim

Cássio Cunha Lima (PB): Sim

Dalírio Beber (SC): Sim

Eduardo Amorim (SE): Não

Flexa Ribeiro (PA): Sim

José Serra (SP): Sim

Paulo Bauer (SC): Sim

Ricardo Ferraço (ES): Sim

Tasso Jereissati (CE): Sim

PSD

José Medeiros (MT): Sim

Lasier Martins (RS): Sim

Omar Aziz (AM): Sim

Otto Alencar (BA): Não

Sérgio Petecão (AC): Sim

PTB

Armando Monteiro (PE): Sim

Telmário Mota (RR): Não

PTC

Fernando Collor (AL): Não

PT

Fátima Bezerra (RN): Não

Gleisi Hoffmann (PR): Não

Humberto Costa (PE): Não

Jorge Viana (AC): Não

José Pimentel (CE): Não

Lindbergh Farias (RJ): Não

Paulo Paim (RS): Não

Paulo Rocha (PA): Não

Regina Sousa (PI): Não

REDE

Randolfe Rodrigues (AP): Não

Sem Partido

Reguffe (DF): Não

 

O que muda nos direitos trabalhistas

Confira abaixo dez pontos das regras trabalhistas que podem ou não mudar com a reforma:

  • Convenções e acordos coletivos poderão se sobrepor às leis
  • A jornada de trabalho pode ser negociada indo até 12 horas diárias
  • O tempo do intervalo, como o almoço, pode ser de no mínimo 30 minutos, se a jornada tiver mais do que seis horas
  • Os acordos coletivos podem trocar os dias dos feriados
  • As férias poderão ser divididas em até três períodos, mas nenhum deles pode ter menos do que cinco dias, e um deve ter 14 dias, no mínimo
  • O imposto sindical se torna opcional
  • A reforma define as regras para home office

Ex-funcionário não pode ser recontratado como terceirizado nos 18 meses após deixar a empresa

Gestantes e quem está amamentando poderão trabalhar em ambientes insalubres se isso for autorizado por um atestado médico. No caso das grávidas, isso só não será possível se a insalubridade for de grau máximo

Temer perde batalha da reforma trabalhista em comissão do Senado; discussão agora segue para a CCJ.

Por 10 votos favoráveis e 9 contrários, o projeto de lei da reforma trabalhista foi rejeitado pela Comissão de Assuntos Sociais do Senado. O governo, após conseguir aprovação do relatório do senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES) na Comissão de assuntos econômicos, sofreu uma derrota nesta terça-feira (20).

A votação ocorreu em clima tumultuado e sob protestos da oposição. Ao final, a senadora Marta Suplicy (PMDB-SP), que presidiu a sessão, designou para suceder Ferraço o senador Paulo Paim (PT-RS), autor do voto em separado. A derrota ocorre um dia após o presidente Michel Temer, que responde a inquérito no Supremo Tribunal Federal (STF), ter viajado para a Russia e para a Noruega. Eduardo Amorim (PSDB-SE) e o parlamentar baiano Otto Alencar, 2º vice-líder do PSD, ambos da base governista, votaram contra a proposta do governo.

Ao final das discussões, o senador Otto Alencar (PSD-BA) ironizou o encaminhamento de votação do líder do governo na Casa, Romero Jucá (PMDB-RR),e pediu a palavra antes da votação: “O senador Romero Jucá me confessou em off que ele está com lombalgia por esforço, de ter que empurrar essa carroça sem roda, atolada em um lamaçal”. A frase dita pelo parlamentar baiano foi uma referência a mais grave crise enfrentada pelo governo Temer.

O relatório de Ricardo Ferraço (PSDB-ES) era favorável à reforma proposta por Temer e mantinha o texto como foi aprovado na Câmara dos Deputados.A reforma trabalhista foi aprovada na Comissão de Assuntos Econômicos no último dia 6 e o relator também foi o senador Ricardo Ferraço.

Agora, a proposta segue para a Comissão de Constituição e Justiça do Senado. Lá, chegarão dois relatórios: um do senador Ricardo Ferraço, aprovado na CAE, e o outro do senador Paulo Paim (PT-RS), aprovado nesta terça-feira (20) na CAS. Amanhã, o senador Romero Jucá, também favorável à proposta do governo relatada por Ferraço, vai ler o relatório dele na CCJ.

Na CAE, o relatório foi aprovado por 14 votos favoráveis e 11 contrários sem que fossem feitas alterações no texto vindo da Câmara. Após passar pela CCJ, a proposta seguirá para votação no plenário da Casa.

Apesar de não propor alterações no texto aprovado pela Câmara, o relator Ricardo Ferraço sugeria que o presidente Michel Temer vetasse seis pontos, entre eles o trabalho intermitente, a jornada de 12 horas de trabalho por 36 horas de descanso e a possibilidade de atividade insalubre para gestantes mediante atestado médico. Segundo Ferraço, alguns dos vetos sugeridos estavam acordados com o presidente Temer.

CPTM abre 80 vagas para Aluno Aprendiz. Inscrições terminam nesta sexta-feira (31).

Terminam nesta sexta-feira (31/03), as inscrições para o Concurso Público para Aluno Aprendiz, da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM). No total, são 80 vagas: 32 para o curso de Aprendizagem Industrial – Assistente Administrativo e 48 para o curso de Técnico de Manutenção de Sistemas Metroferroviários.

As aulas serão ministradas no Centro de Formação Profissional Eng° James C. Stewart, mantido pela CPTM, em convênio com o Senai. A CPTM paga ao Aluno Aprendiz do curso CAI – Assistente Administrativo, um salário mínimo. Para os alunos do curso Técnico de Manutenção de Sistemas Metroferroviários, no primeiro ano um salário mínimo e no segundo um salário mínimo e meio. A contratação é feita sob o regime CLT (Consolidação das Leis do Trabalho) e Legislação Trabalhista Federal Complementar e Legislação Estadual pertinente.

INSCRIÇÕES

As inscrições poderão ser efetuadas pelo site (VEJA AQUI). Após preencher o formulário de inscrição, o candidato deverá imprimir o boleto bancário e efetuar o pagamento da taxa de inscrição, no valor de R$ 15,70, em qualquer agência bancária.

Os interessados no curso de Técnico de Manutenção de Sistemas Metroferroviários terão como pré-requisito data de nascimento no período entre 17/07/1995 e 17/07/2000 e os candidatos ao curso de Assistente Administrativo, data de nascimento de 17/07/1995 a 17/07/1999. Todos devem ter o Ensino Médio concluído.

A formação para os Alunos Aprendizes do curso Técnico de Manutenção de Sistemas Metroferroviários tem duração de 24 meses, contemplando a fase de formação técnica e de prática Profissional. O curso visa habilitar profissionais para manter os sistemas eletroeletrônicos e mecânicos do transporte metroferroviário e desenvolver soluções de acordo com normas e procedimentos técnicos, de segurança e ambientais.

Os alunos do curso de Aprendizagem Industrial Assistente Administrativo receberão formação no período de 12 meses, compreendendo a fase teórica e prática administrativa. O curso visa qualificar os alunos-aprendizes para atuarem no apoio aos setores administrativos, contábeis, financeiros e de recursos humanos da empresa.

Ambos os cursos são ministrados de segunda a sexta-feira. As aulas de formação técnica serão ministradas das 7h às 11h e das 12h às 16h. No período das aulas práticas o horário será das 8h às 12h e das 13h às 17h.

Seleção

A prova classificatória será de Conhecimentos Teóricos realizada no dia 23 de abril, com duração de três horas. O teste vale 100 pontos e será composto por 50 questões de múltipla escolha: 20 de Língua Portuguesa; 20 de Matemática e 10 de Atualidades. Cada questão vale dois pontos e terá cinco alternativas, sendo apenas uma correta.

Segundo a CPTM, a gabarito preliminar da prova será divulgado pela Internet no site www.rboconcursos.com.br a partir do dia seguinte à aplicação da prova. Já o gabarito Oficial da Prova de Conhecimentos Teóricos será divulgado a partir do dia 6 de maio.

Posteriormente, os classificados na Prova de Conhecimentos Teóricos realizarão a Avaliação de Perfil Profissional, que é eliminatória. Os candidatos aprovados serão convocados para Avaliação Médica, conforme número de vagas. A admissão está prevista para o dia 17 de julho de 2017.

Vagas de emprego no CPTR de Mauá.

O Centro Público de Trabalho e Renda de Mauá oferece 11 vagas de emprego nesta semana. Maioria dos postos exige ensino fundamental e são para cargos em Mauá

O Centro Público de Trabalho e Renda de Mauá oferece 11 vagas de emprego nesta semana. A maioria das vagas não exigem Ensino Médio.

Do total, seis vagas são para profissionais que tenham apenas o Ensino Fundamental (até a 8ª série). Dessas, duas vagas são para costureira de máquina reta, duas vagas para auxiliar de cozinha e outra para auxiliar de limpeza, todas para Mauá. Há ainda uma vaga para porteiro, também com ensino fundamental.

Já para quem fez o Ensino Médio há postos para analista de recursos humanos, auxiliar de linha de produção, comprador e motorista de caminhão.

Analista de recursos humanos 1 ENSINO MEDIO COMPLETO
Auxiliar de cozinha 1 FUNDAMENTAL COMPLETO
Auxiliar de cozinha 1 FUNDAMENTAL INCOMPLETO
Auxiliar de limpeza 1 FUNDAMENTAL COMPLETO
Auxiliar de linha de produção 2 ENSINO MEDIO COMPLETO
Comprador 1 ENSINO MEDIO COMPLETO
Costureira de máquina reta 2 FUNDAMENTAL INCOMPLETO
Motorista de caminhão 1 ENSINO MEDIO COMPLETO
Porteiro 1 FUNDAMENTAL COMPLETO

Para se candidatar aos empregos é preciso ter a partir de 16 anos e comparecer ao Centro Público de Trabalho e Renda com RG, CPF e Carteira de Trabalho. O posto fica na Rua Manoel Pedro Júnior, n. 45, na Vila Bocaína.

PAT de Ribeirão Pires disponibiliza mais de 28 vagas de emprego nesta semana.

O Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) de Ribeirão Pires está cadastrando moradores para 28 vagas de emprego em diversas áreas. Há 05 oportunidades para pedreiro refratarista, 03 para operador de centro de usinagem e 02 para auxiliar de linha de produção. Também estão abertas vagas para auxiliar de costura; pizzaiolo; professor de administração; tratador de animais; entre outras.

Os interessados em se inscrever para os processos de seleção devem comparecer ao PAT, localizado dentro do Posto Atende Fácil – Avenida Capitão José Gallo, 55 Centro, de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 16h30. Esclarecimentos pelo telefone 4824-4282.

Confira as vagas desta semana:

01     AUXILIAR DE COSTURA

01     CORTADOR DE ROUPAS

01     AÇOUGUEIRO CLASSIFICADOR

01     COSTUREIRA EM GERAL

01     MONTADOR DE EQUIPAMENTOS ELETRÔNICOS

01     AUX. COZINHA

05     PEDREIRO REFRATARISTA

01     PIZZAIOLO

01     PREPARADOR DE MÁQUINAS-FERRAMENTAInjetora

01     PROFESSOR DE ADMINISTRAÇÃO

01     REPRESENTANTE COMERCIAL AUTÔNOMO

01     ENCANADOR INDUSTRIAL

01     TÉCNICO DE TUBULAÇÃO (caldeiraria)

03     OP. DE CENTRO DE USINAGEM COMANDO NUMÉRICO

01     AUX. ADMINISTRATIVOESTAGIÁRIO ADMINISTRAÇÃO

01     AUX. DE VETERINÁRIO

01     OFICIAL DE SERVIÇOS GERAIS

02     TRATADOR DE ANIMAIS

01     SOLDADOR

02     AUXILIAR DE LINHA DE PRODUÇÃO

3.141 vagas de emprego são oferecidas na Grande São Paulo.

O programa Emprega São Paulo/Mais Emprego, agência de empregos pública e gratuita gerenciada pela Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho (SERT), em parceria com o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), oferece nesta semana 3.141 oportunidades em todo o Estado de São Paulo.

Entre as mais ofertadas estão às oportunidades para auxiliar de limpeza, auxiliar de produção, atendente de loja, costureiro, corretor de imóveis, estoquista, mecânico, operador de caixa, pedreiro, recepcionista, soldador, operador de telemarketing e vendedor.

Aprendiz Paulista

Programa coordenado pela SERT, para promover a vivência e inserir os alunos dos cursos técnicos do Centro Paula Souza (ETECs) no mercado de trabalho, divulga nessa semana 42 vagas.

Entre os destaques estão as vagas para os cursos de administração, secretariado, química, mecânica, entre outras oportunidades.

Como se cadastrar

Para ter acesso às vagas e aos programas de qualificação da SERT, basta acessar o site www.empregasaopaulo.sp.gov.br, criar login, senha e informar os dados solicitados. Outra opção é comparecer a um Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) com RG, CPF, PIS e Carteira de Trabalho.

Emprega São Paulo

Desde a implantação do Emprega São Paulo, em agosto de 2008, o programa recolocou no mercado de trabalho mais de 700 mil trabalhadores. O sistema conta com um banco de 3,5 milhões de currículos cadastrados.

Para mais informações sobre o Emprega São Paulo/Mais Emprego e outras ações da SERT, acesse: www.empregasaopaulo.sp.gov.br.

PAT de Ribeirão Pires oferece 70 vagas de emprego.

O Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) de Ribeirão Pires está cadastrando moradores para 70 vagas em diversas áreas. Há 20 oportunidades para técnico de enfermagem, 02 para tratador de animais, 04 para costureira em geral. Também estão abertas vagas para ajudante de cozinha, contador, técnico instrumentista, entre outras.

Os interessados em se inscrever para os processos de seleção devem comparecer ao PAT, localizado dentro do Posto Atende Fácil – Avenida Capitão José Gallo, 55 Centro, de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 16h30. Esclarecimentos pelo telefone 4828-9820.

Confira as vagas desta semana:

02 Auxiliar de costura

01 Cortador de roupas

01 Costureira de reparação de roupas

04 Costureira em geral

01 Empregado doméstico diarista

02 Tratador de animais

01 Ajudante de cozinha

01 Contador

01 Laminador de plástico

02 Mecânico de manutenção de máquinas industriais

03 Pedreiro refratarista

01 Técnico instrumentista

20 Auxiliar de enfermagem

20 Técnico de enfermagem

No país, 24 milhões de pessoas estão sem trabalho, aponta IBGE.

Além dos 12,3 milhões de pessoas consideradas desempregadas no Brasil, há outras 12 milhões que gostariam de estar trabalhando ou têm jornada considerada insuficiente, segundo a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) Contínua, divulgada hoje (23) pelo IBGE. A chamada taxa de subocupação, que agrega esses dois grupos, atingiu 22,2% no último trimestre de 2016, ante 17,3% em igual período do ano anterior. São 5,8 milhões de pessoas a mais nessa condição.

Os dados do instituto mostram também que o tempo de busca por emprego tem aumentado. “Está mais difícil encontrar trabalho”, diz o coordenador de Trabalho e Rendimento do instituto, Cimar Azeredo. Para metade das pessoas, o tempo de duração de procura varia de um mês a um ano, mas a parcela que mais cresce é a dos que procuram há mais de um ano ou mais de dois anos – nesse segundo caso, é um contingene superior a 2 milhões de desempregados.

A taxa média de desemprego no país foi estimada em 12% ao final do quarto trimestre do ano passado, estável frente ao terceiro (11,8%) e maior que no final de 2015 (9%). Entre as regiões, as taxas ficam acima da média no Nordeste (14,4%), no Norte (12,7%) e no Sudeste (12,3%). E abaixo no Centro-Oeste (10,9%) e no Sul (7,7%).

Se o recorte for pelo número de desempregados, o país “ganhou” 3,269 milhões em um ano, para um total de 12,342 milhões, crescimento de 36%. Na região Centro-Oeste, essa alta chegou a 52,7%, com acréscimo de 309 mil. No Norte, aumentou 48,8%, com mais 333 mil desempregados. Na região mais populosa, o Sudeste, esse aumento foi de 31,8%: acréscimo de 1,364 milhão, totalizando 5,654 milhões.

O IBGE aponta diferenças significativas nas taxas de desemprego entre homens (10,7%) e mulheres (13,8%), comportamento verificado em todas as regiões. As mulheres representam 52,2% da população em idade de trabalhar (a partir de 14 anos), mas são apenas 43% dos ocupados.

Entre os jovens de 18 a 24 anos, o desemprego chega a 25,9%. Cai para 11,2% na faixa entre 25 e 39 anos e para 6,9% entre trabalhadores de 40 a 59 anos.

A diferença também é grande quando se compara dados de trabalhadores brancos (taxa de desemprego de 9,5%), pessoas de cor preta (14,4%) e parda (14,1%), conforme a classificação do IBGE. Há um “abismo” no rendimento, afirma o coordenador do IBGE: o rendimento médio dos brancos foi estimado em R$ 2.660, acima da média nacional, no quarto trimestre (R$ 2.043). O do pardos cai para R$ 1.480 e o dos pretos, para R$ 1.461.

PAT de Ribeirão Pires oferece 11 vagas de emprego nesta semana.

O Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) de Ribeirão Pires está cadastrando moradores para 11 vagas de emprego em diversas áreas. Há 02 oportunidades para auxiliar de costura e 04 para costureira em geral. Também estão abertas vagas para empregado doméstico diarista e tratador de animais, entre outras.

Os interessados em se inscrever para os processos de seleção devem comparecer ao PAT, localizado dentro do Posto Atende Fácil – Avenida Capitão José Gallo, 55 Centro, de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 16h30. Esclarecimentos pelo telefone 4824-4282.

Confira abaixo as oportunidades:

02 Auxiliar de Costura

01 Cortador de Roupas

01 Costureira de Reparação de Roupas

04 Costureira em Geral

01 Empregado Doméstico Diarista

02 Tratador de Animais

PAT de Ribeirão Pires oferece 24 vagas de emprego nesta semana

O Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) de Ribeirão Pires está cadastrando moradores para 24 vagas em diversas áreas. Há 05 oportunidades para refratarista e 02 para eletricista. Também estão abertas chapeiro; técnico em eletrônica; auxiliar de departamento pessoal; ferramenteiro; entre outras.

Os interessados em se inscrever para os processos de seleção devem comparecer ao PAT, localizado dentro do Posto Atende Fácil – Avenida Capitão José Gallo, 55 Centro, de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 16h30. Esclarecimentos pelo telefone 4828-9820.

Confira as vagas desta semana:
01        Técnico em Eletrônica
01        Montador de Equipamentos Eletrônicos
01        Chapeiro
01        Desenhista Copista
01        Representante Comercial
01        Desenhista Projetista
01        Professor de Administração
05        Refratarista (Pedreiro)
01        Serralheiro
02        Eletricista
01        Contador
01        Técnico Instrumentista
01        Açougueiro Desossador
01        Assistente Fiscal
01        Auxiliar de Departamento Pessoal
01        Ferramenteiro
01        Mecânico de Manutenção
01        Operador de Corel Draw
01        Montador de Telhados

Ribeirão Pires: Coop realiza processo seletivo para vagas na cidade.

O PAT- Posto de Atendimento ao Trabalhador de Ribeirão Pires já está recebendo currículos para o processo seletivo referente às vagas de emprego para a nova loja da Coop – Cooperativa de Consumo.

A seletiva será feita por meio de análise curricular pelo Departamento de Recursos Humanos da Coop. Os currículos devem ser entregues, até o dia 10 de fevereiro, no posto do Atende Fácil – Avenida Capitão José Gallo, 55 – Centro, com atendimento de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 16h30. Mais informações pelo telefone 4824-4282.

A Estância Turística terá uma nova loja da Coop, localizada na AV. Santo André  n° 735, no Centro Alto. O empreendimento contará com um mix completo de produtos, além de drogaria, padaria, açougue e balcão de frios

PAT de Ribeirão Pires disponibiliza 35 vagas de emprego nesta semana.

O Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) de Ribeirão Pires está cadastrando moradores para 35 vagas em diversas áreas. Há 10 oportunidades para auxiliar de enfermagem e 02 para técnico de enfermagem, auxiliar de costura. Também estão abertas vagas para balconista de açougue; cortador de roupas; desenhista copista (CAD); professor de administração; entre outras.Os interessados em se inscrever para os processos de seleção devem comparecer ao PAT, localizado dentro do Posto Atende Fácil – Avenida Capitão José Gallo, 55 Centro, de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 16h30. Esclarecimentos pelo telefone 4824-4282.

Confira abaixo as oportunidades:
02        Balconista de Açougue
01        Costureira em Geral
02        Auxiliar de Costura
10        Auxiliar de Enfermagem
01        Cortador de Roupas
01        Desenhista Copista (CAD)
01        Desenhista Projetista de Produtos(Mecânica)
02        Instalador Reparador de Equipamento de Força
01        Pizzaiollo
01        Professor de Administração
02        Refratarista(Pedreiro)
10        Técnico de Enfermagem
01        Mecânico de Laminação(Manutenção)

A Justiça abriu caminho para que o fim de semana tenha 3 dias?

E se o fim de semana durasse até 2ª-feira? Uma decisão do TST trouxe à tona a discussão sobre negociação do descanso semanal remunerado.

Uma decisão do Tribunal Superior do Trabalho no fim de novembro sobre cálculo de horas extras dos bancários trouxe à tona um sonho de muitos profissionais: fim de semana com 3 dias de descanso.

De acordo com o que determinou o TST, o número de dias de repouso semanal remunerado pode ser ampliado por acordo coletivo, como decorrência da autonomia dos sindicatos.

Essa parte específica da tese jurídica fixada pelo tribunal, apesar de se tratar de uma discussão mais ampla e complexa sobre o cálculo do pagamento de horas extras apenas dos bancários, passa a valer também para outros casos, como exige a organização dos recursos repetitivos.

“Os sindicatos podem fixar normas específicas e muito mais próximas da realidade das suas respectivas categorias do que a Lei (CLT ou Constituição) que regem relação de trabalho de maneira genérica”, diz Rodrigo Bruno Nahas, sócio diretor da Nahas Advogados.

Ou seja, é, sim, possível negociar para ajustar semana útil de trabalho, mas a liberdade de negociação dos direitos trabalhistas não é total, ou seja, não pode piorar as condições estabelecidas pela regra geral: jornada com limite de 44 horas semanais e máximo de 10 horas por dia.

Na prática, segundo Luiz Guilherme Migliora, sócio da área Trabalhista do Veirano Advogados, já existia a possibilidade de fim de semana de três dias.

“Sempre foi permitido ajustar, por acordo coletivo ou individual, a extensão de jornada por até mais duas horas por dia em alguns dias, com redução em outros, respeitado o limite de 44 horas por semana”, afirma.

Assim, é válido, por exemplo, negociar que você (caso seja acordo individual) ou que sua categoria (via sindicato) trabalhe de segunda a quinta-feira por 10 horas e apenas 4 horas na sexta, para cumprir as 44 horas semanais.

Já o fim de semana de três dias inteiros só seria possível, sem ferir a regra geral, caso a jornada semanal seja de 40 horas: trabalhando dez horas por dia durante quatro dias.

“Para trabalhar mais de dez horas por dia, tem que ter motivo e tem que ser feito por acordo coletivo. Para algumas categorias é permitida a jornada de 12 horas de trabalho por 36 de descanso. Sempre isso deve ser feito por negociação com o sindicato”, explica Luiz Guilherme Migliora, sócio da área Trabalhista do Veirano Advogados.

Ele lembra que, por exemplo, seria impossível conseguir estender o expediente para 12 horas para um trabalho manual repetitivo. “É preciso que o acordo tenha razoabilidade. Aumentaria muito a chance de erro num expediente tão longo. Mas, por exemplo, se é um cuidador de idoso, não há esse problema”, afirma.

Aos que já preparam uma investida sindical ou individual, calma. Migliora não acredita que haja uma grande leva de ajustes a partir de agora. “Não interessa aos empregadores estender demais as jornadas e perder produtividade. É melhor te empregados trabalhando 8 horas por dia por 5 dias do que 10 horas por dia por 4 dias. Vai depender muito também das atividades”, diz Migliora.

O que estava em discussão no caso dos bancários

O cálculo de horas extras dos bancários é que era a questão principal a ser julgada pelo TST. São dois os tipos de jornada da categoria: 6 horas diárias em geral ou 8 horas diárias para funções de gerência, fiscalização, chefia e equivalentes, cargos de confiança, desde que recebam adicional de um terço do salário.

A CLT prevê que o divisor para cálculo de horas extras dos bancários é de 180 horas para jornada de 6 horas e 220 horas para quem faz 8 horas ao dia. Ou seja, o que passar disso no mês é considerado hora extra. Considerando nesse caso o sábado como um dia de descanso não remunerado, como prevê o artigo 224 da CLT.

Estava em vigor uma Súmula (124) do TST que previa que, no caso de acordo individual ou coletivo determinando que o sábado do bancário seja dia de descanso remunerado, o divisor para o cálculo de horas extras passava a ser de 150 horas para jornada de 6 horas diárias e de 200 horas para jornada de 8 horas diárias.

“A nova decisão do TST passou a desconsiderar o sábado como descanso remunerado, aplicando de forma categórica o divisor 180 e 220, independentemente de celebração de ajuste individual expresso entre empresa e empregado ou ajuste coletivo”, explica o sócio diretor da Nahas Advogados.

O divisor, decidiu o TST, corresponde ao número de horas remuneradas pelo salário mensal, independentemente de serem trabalhadas ou não. A inclusão do sábado como dia de repouso semanal não altera o divisor, segundo o TST, porque não há redução do número de horas semanais, trabalhadas e de repouso.

Leia a decisão no site do TST.

PAT Ribeirão Pires disponibiliza 56 novas vagas.

pat ribeirão pires
O Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) de Ribeirão Pires está cadastrando moradores para vagas em diversas áreas. Há 20 vagas para técnico de enfermagem, 20 para auxiliar de enfermagem e 10 para gerente comercial.
Também estão abertas vagas para pizzaiolo, técnico instrumentista, tratador de animais e mecânico montador.
Os interessados em se inscrever para os processos de seleção devem comparecer ao PAT, localizado dentro do Posto Atende Fácil – Avenida Capitão José Gallo, 55 – Centro, de segunda à sexta-feira, das 8h30 às 16h30, ou cadastre-se pelo site: www.mte.gov.br

Confira as oportunidades disponíveis:

01        PIZZAIOLO
01        TÉCNICO INSTRUMENTISTA
01        TRATADOR DE ANIMAIS
03        MECÂNICO MONTADOR
10        GERENTE COMERCIAL
20        TÉCNICO DE ENFERMAGEM
20        AUXILIAR DE ENFERMAGEM

Vagas de emprego no CPTR de Mauá.

vagas-cptr-maua_05eab2a0

O Centro Público de Trabalho e Renda (CPTR/Sine) de Mauá divulga painel com 35 oportunidades de emprego. As seleções ocorrerão na próxima semana e serão destinadas a vários segmentos.

No setor de serviços, empresa de Mauá vai recrutar 10 auxiliares de limpeza. Para a seleção, exige candidatos com Ensino Fundamental completo e experiência. Cinco empregadas domésticas também serão recrutadas. A contratante, assim como a anterior, exige Ensino Fundamental e atuação prévia na função.

Para pessoas com deficiência (PCDs), empresa com atuação em todo o Grande ABC vai contratar oito empacotadores com Ensino Médio. Varejista da região vai contratar quatro trabalhadores com o mesmo perfil para o cargo de balconista. Ensino Fundamental é exigência. Em nenhum dos casos, é necessário experiência.

O Painel completo pode ser acessado no portal da administração municipal (www.maua.sp.gov.br). Há duas maneiras para se candidatar: pela internet e pessoalmente. Para a primeira opção, é preciso acessar o site maisemprego.mte.gov.br. Basta clicar em “vagas de emprego” na página inicial e fazer o pré-cadastro. A senha e o login (número utilizado para acesso) serão enviados no e-mail cadastrado.

Quem não tem acesso à internet pode utilizar o posto do Acessa SP, localizado no primeiro andar do Green Plaza Shopping, que fica na Rua Rio Branco, 85, em frente à estação de trem da CPTM. A conexão é gratuita por 30 minutos e pode ser prorrogada por mais meia hora caso não haja fila de espera.

Outro caminho é comparecer no CPTR, localizado na rua Manoel Pedro Júnior, 45, próximo à Praça da Bíblia, no Centro. O trabalhador deve ter em mãos RG, CPF e Carteira de Trabalho. O atendimento é feito de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, com distribuição de senhas sequenciais até às 16h.

SERVIÇO:
O CPTR disponibiliza serviços como emissão de carteira de trabalho, habilitação para seguro-desemprego, cursos de qualificação e orientação profissional e corporativa. Todos os serviços são gratuitos.

Ribeirão Pires: PAT disponibiliza 54 novas vagas de emprego.

pat ribeirão pires

O Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) de Ribeirão Pires está cadastrando moradores para vagas em diversas áreas. Há 30 vagas para recepcionista atendente, 3 para mecânico montador e 2 para encanador industrial.

Também estão abertas vagas para operador de laminador, operador de guilhotina no acabamento de chapas de metal, cortador de roupas, pizzaiolo, costureira em geral, vendedor de serviços, técnico instrumentista, auxiliar de padeiro, montador, operador de máquinas fixas em geral, porteiro, professor de administração, programador de controle de produção, auxiliar de costura, ajudante de serralheiro e costureira de máquina reta.

Os interessados em se inscrever para os processos de seleção devem comparecer ao PAT, localizado dentro do Posto Atende Fácil – Avenida Capitão José Gallo, 55 – Centro, de segunda à sexta-feira, das 8h30 às 16h30, ou cadastre-se pelo site: www.mte.gov.br

Confira as oportunidades disponíveis:  

01        OPERADOR DE LAMINADOR
01        OPERADOR DE GUILHOTINA NO ACABAMENTO DE CHAPAS DE METAL
01        CORTADOR DE ROUPAS
01        PIZZAIOLO
01        COSTUREIRA EM GERAL
01        VENDEDOR DE SERVIÇOS
01        TÉCNICO INSTRUMENTISTA
01        AUXILIAR DE PADEIRO
01        MONTADOR
01        OPERADOR DE MAQUINAS FIXAS EM GERAL
01        PORTEIRO
01        PROFESSOR DE ADMINISTRAÇÃO
01        PROGRAMADOR DE CONTROLE DE PRODUÇÃO
02        AUXILIAR DE COSTURA
02        AJUDANTE DE SERRALHEIRO

02        COSTUREIRA DE MAQUINA RETA

02        ENCANADOR INDUSTRIAL
03        MECÂNICO MONTADOR
30        RECEPCIONISTA ATENDENTE

Sabesp abre concurso público para contratar mais de mil estagiários.

jovem-aprendiz-sabesp-2016

A Sabesp divulgou, na última sexta-feira (21/10), o edital do concurso público  que  empregará  1.026  jovens como parte do Programa de  Estágios  2016.  As inscrições poderão ser realizadas a partir da próxima  sexta-feira  (28/10) até 9 de dezembro por meio do site da Fundação Carlos  Chagas: www.concursosfcc.com.br.

As vagas são destinadas a estudantes do ensino médio regular,  técnico  e  superior,  distribuídas  na  Região  Metropolitana, Interior e Litoral. O objetivo do programa é contribuir com a formação dos estagiários, oferecendo aprendizado prático em uma da  companhia  de  saneamento  básico. Além da troca de experiências e integração entre empregados da companhia e estagiários.

Para participar  do  concurso, os jovens precisam ter, no mínimo, 16  anos  e  estar  regularmente  matriculados  em  uma  Instituição de Ensino  Público  ou  Privado  em  2017, de acordo com as regras do edital. A prova  objetiva está prevista para acontecer no dia 5 de fevereiro do ano que vem  e  o contrato de estágio poderá ter duração de até dois anos, prevendo uma  carga  horária  de  6  horas  diárias  e  30 horas semanais, além de bolsa  auxílio de acordo com o nível de formação nos valores de R$ 812,03 (Ensino Médio Regular); R$ 897,50 (Ensino Médio Técnico); e R$ 1.068,44 (Ensino Superior).

Os  selecionados  também  contarão  com  outros  benefícios como Vale Refeição,  Vale Transporte, Assistência Médica, Férias (recesso escolar) e Seguro Contra Acidentes Pessoais.

PAT de Ribeirão Pires disponibiliza 111 vagas de emprego nesta semana.

O posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) de Ribeirão Pires está cadastrando moradores para 111 vagas em diversas áreas

O Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) de Ribeirão Pires está cadastrando moradores para vagas em diversas áreas. Há 30 para vendedor interno, 28 para vendedor magazine e 10 para gerente comercial.

Também estão abertas: 10 para operador de prensa, 5 para operador de máquina de solda, 5 para vendedor externo, 3 para tratador de animal, 3 para pedreiro, 2 para motorista de trator de guincho, 2 para ajudante açougueiro (urgente), 2 para açougueiro (urgente), 2 para vendedor orçamentário, 2 para líder de visual merchandising, 1 para doméstica diarista, 1 para montador de estrutura de alumínio, 1 para operador de laminadora, 1 para nutricionista, 1 para programador de controle de produção, 1 para serralheiro de alumínio e 1 para pizzaiolo.

Os interessados em se inscrever para os processos de seleção devem comparecer ao PAT, localizado dentro do Posto Atende Fácil – Avenida Capitão José Gallo, 55 – Centro, de segunda à sexta-feira, das 8h30 às 16h30, ou cadastre-se pelo site: www.mte.gov.br.

PAT de Ribeirão Pires disponibiliza Vagas de emprego.

pat ribeirão pires

O Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) de Ribeirão Pires está disponibilizando 40 vagas de emprego nesta semana.

Os interessados em se inscrever para os processos de seleção devem comparecer ao PAT, localizado dentro do Posto Atende Fácil – Avenida Capitão José Gallo, 55 – Centro, de segunda à sexta-feira, das 8h30 às 16h30, ou cadastre-se pelo site: www.mte.gov.br

Confira as oportunidades disponíveis:

• 01 cozinheiro de restaurante
• 01 auxiliar de copa
• 30 vendedor interno
• 01 operador de máquina injetora (ZAMAC)
• 01 porteiro
• 01 preparador de torno automático
• 03 tratador de animais
• 02 motorista operacional de guincho

PAT de Ribeirão Pires disponibiliza Vagas de emprego

pat ribeirão pires

O Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) de Ribeirão Pires está cadastrando moradores para vagas em diversas áreas. Há 20 vagas para auxiliar de enfermagem, 20 para técnico em enfermagem e 3 para vendedor interno.

Também estão abertas vagas para auxiliar de cozinha, mecânico de motor a diesel, mecânico montador, refratarista, motorista operacional de guincho, visual merchandising, técnico de tubulação, consultor administrativo, operador de máquinas fixas (em geral), pizzaiolo, professor de informática e professor de inglês.

Os interessados em se inscrever para os processos de seleção devem comparecer ao PAT, localizado dentro do Posto Atende Fácil – Avenida Capitão José Gallo, 55 – Centro, de segunda à sexta-feira, das 8h30 às 16h30, ou cadastre-se pelo site: www.mte.gov.br

Confira as oportunidades disponíveis:

01 Técnico de Tubulação
01 Consultor Administrativo
01 Professor de Informática
01 Professor de Inglês
02 Auxiliar de Cozinha
02 Mecânico de Motor A Diesel
02 Motorista Operacional de Guincho
02 Visual Merchandising
02 Operador de Máquinas Fixas (Em Geral)
02 Pizzaiolo
03 Mecânico Montador
03 Refratarista
03 Vendedor Interno
20 Auxiliar de Enfermagem
20 Técnico de Enfermagem

PAT de Ribeirão Pires disponibiliza vagas de emprego.

pat ribeirão pires

O Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) de Ribeirão Pires está cadastrando moradores para vagas em diversas áreas. Há 20 vagas para auxiliar de enfermagem, 20 para técnico em enfermagem e 3 para vendedor interno.

Também estão abertas vagas para auxiliar de cozinha, mecânico de motor a diesel, mecânico montador, refratarista, motorista operacional de guincho, visual merchandising, técnico de tubulação, consultor administrativo, operador de máquinas fixas (em geral), pizzaiolo, professor de informática e professor de inglês.

Os interessados em se inscrever para os processos de seleção devem comparecer ao PAT, localizado dentro do Posto Atende Fácil – Avenida Capitão José Gallo, 55 – Centro, de segunda à sexta-feira, das 8h30 às 16h30, ou cadastre-se pelo site: www.mte.gov.br

CONFIRA AS OPORTUNIDADES DISPONÍVEIS:
01 – Técnico de Tubulação
01 – Consultor Administrativo
01 – Professor de Informática
01 – Professor de Inglês
02 – Auxiliar de Cozinha
02 – Mecânico de Motor A Diesel
02 – Motorista Operacional de Guincho
02 – Visual Merchandising
02 – Operador de Máquinas Fixas (Em Geral)
02 – Pizzaiolo
03 – Mecânico Montador
03 – Refratarista
03 – Vendedor Interno
20 – Auxiliar de Enfermagem
20 – Técnico de Enfermagem

Confira as vagas de emprego no PAT de Ribeirão Pires.

pat ribeirão pires

O Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) de Ribeirão Pires está cadastrando moradores para vagas em diversas áreas. Há 10 vagas para gerente comercial, 3 para vendedor interno e 2 para estoquista.

Também estão abertas vagas para faxineira, coordenador de caldeiraria, auxiliar de marceneiro, consultor administrativo, cozinheiro de restaurante, operador de empilhadeira, líder estoquista, preparador de torno automático, recepcionista atendente, mecânico de motor a diesel, motorista operacional de guincho, pizzaiolo e visual merchandising.

Os interessados em se inscrever para os processos de seleção devem comparecer ao PAT, localizado dentro do Posto Atende Fácil – Avenida Capitão José Gallo, 55 – Centro, de segunda à sexta-feira, das 8h30 às 16h30, ou cadastre-se pelo site: www.mte.gov.br

Confira as oportunidades disponíveis:

01        Faxineira
01        Coordenador de Caldeiraria
01        Auxiliar de Marceneiro
01        Consultor Administrativo
01        Cozinheiro de Restaurante
01        Operador de Empilhadeira
01        Líder Estoquista
01        Preparador de Torno Automático
01        Recepcionista Atendente
02        Mecânico de Motor a Diesel
02        Motorista Operacional de Guincho
02        Pizzaiolo
02        Visual Merchandising
02        Estoquista
03        Vendedor Interno
10        Gerente Comercial

PAT de Ribeirão Pires disponibiliza vagas de emprego nesta semana.

pat ribeirão pires

O Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) de Ribeirão Pires está cadastrando moradores para vagas em diversas áreas. Há 10 vagas para gerente comercial, 2 para pizzaiolo e 2 para motorista operacional de guincho.

Também estão abertas vagas para coordenador de caldeiraria, auxiliar de marceneiro e consultor administrativo.

Os interessados em se inscrever para os processos de seleção devem comparecer ao PAT, localizado dentro do Posto Atende Fácil – Avenida Capitão José Gallo, 55 – Centro, de segunda à sexta-feira, das 8h30 às 16h30, ou cadastre-se pelo site: www.mte.gov.br

Confira as oportinuades de vagas disponíveis:
01        Coordenador De Caldeiraria
01        Auxiliar De Marceneiro
01        Consultor Administrativo
02        Pizzaiolo
02        Motorista Operacional De Guincho
10        Gerente Comercial