Taxa de divórcio bate recorde no Brasil


O número de divórcios no Brasil disparou e chegou a 351 mil em 2011, um crescimento de 45,6% em relação a 2010. A taxa de divórcios atingiu o maior valor desde 1984, ou seja, 2,6 divórcios para cada mil habitantes de 15 anos ou mais de idade.  A informação veio das Estatísticas do Registro Civil 2011, do IBGE, divulgada hoje (17/12) e mostra também o crescimento da guarda compartilhada dos filhos menores entre os cônjuges, embora ainda persista a hegemonia da responsabilidade feminina (87,6%). A preponderância das mulheres na guarda dos filhos menores foi observada em todos os estados, sendo maior na Bahia, com um percentual de 94,4%. A supressão dos prazos em relação à separação, fez com que a taxa de divórcio se elevasse. A taxa de divórcio foi maior nos grupos entre 30 e 54 anos, sendo mais elevada, no caso das mulheres, entre 30 e 34 anos (7,3‰) e, no caso dos homens, entre 35 e 39anos e de 45 a 49 anos (7,9‰ para ambos os grupos). As médias de idade no momento do divórcio também tiveram declínio em 2011, tanto para os homens como para as mulheres, em relação a 2006. Em 2011, a idade média ao divorciar foi de 42 anos para os homens.
You can leave a response, or trackback from your own site.

Leave a Reply