TRE-BA rejeita contas eleitorais do Prefeito, Vice, Vereador e PT de Santa Maria da Vitória

O Expresso, foto: Luís Carlos Nunes

As contas de campanha de 2012 do prefeito de Santa Maria Vitória, Amário dos Santos Santana; do vice-prefeito Plínio da Silva Leite Júnior, do vereador João Marques e do Partido dos Trabalhadores do Município foram rejeitadas pelo Tribunal Regional Eleitoral – Bahia, como resultado do processo de número 30073. O Ministério Público Eleitoral também pediu a cassação dos eleitos. O Juiz Eleitoral da Comarca vai dar agora a decisão final sobre a questão.
Em dezembro de 2012 o padre Amário teve as contas públicas de 2011 rejeitadas pelo Tribunal de Contas dos Municípios. Na oportunidade, a relatoria aplicou multas de R$43.200,00, equivalente a 30% de seus vencimentos anuais, pela reincidência em gastos excessivos com pessoal e de R$15.000,00, por outros ilícitos detectados no Relatório Anual. O gestor poderia, à época, recorrer da decisão. Não soubemos se obteve sucesso no recurso ao Tribunal de Contas.
You can leave a response, or trackback from your own site.

Leave a Reply