TRE-BA rejeita contas eleitorais do Prefeito, Vice, Vereador e PT de Santa Maria da Vitória

O Expresso, foto: Luís Carlos Nunes

As contas de campanha de 2012 do prefeito de Santa Maria Vitória, Amário dos Santos Santana; do vice-prefeito Plínio da Silva Leite Júnior, do vereador João Marques e do Partido dos Trabalhadores do Município foram rejeitadas pelo Tribunal Regional Eleitoral – Bahia, como resultado do processo de número 30073. O Ministério Público Eleitoral também pediu a cassação dos eleitos. O Juiz Eleitoral da Comarca vai dar agora a decisão final sobre a questão.
Em dezembro de 2012 o padre Amário teve as contas públicas de 2011 rejeitadas pelo Tribunal de Contas dos Municípios. Na oportunidade, a relatoria aplicou multas de R$43.200,00, equivalente a 30% de seus vencimentos anuais, pela reincidência em gastos excessivos com pessoal e de R$15.000,00, por outros ilícitos detectados no Relatório Anual. O gestor poderia, à época, recorrer da decisão. Não soubemos se obteve sucesso no recurso ao Tribunal de Contas.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.