Um governo corrupto e de vagabundos pode mexer na sua aposentadoria?

Essa é a questão colocada diante dos brasileiros nesta quarta-feira 15. Michel Temer, que chegou ao poder graças ao apoio de uma quadrilha de políticos engravatados e que pretendiam se salvar e estancar a sangria da Lava Jato, quer agora impor uma reforma que deixará 70% dos brasileiros sem aposentadoria.

Segundo o Dieese, o governo de Michel Temer está mergulhado em escândalos de corrupção. Eliseu Padilha, por exemplo, que articula o fim das aposentadorias, é acusado de receber R$ 5 milhões em propinas, além disso, os presidentes da Câmara e do Senado, Rodrigo Maia (DEM-RJ) e Eunício Oliveira (PMDB-CE), também serão investigados por esquemas de caixa dois e propinas; eles têm legitimidade e autoridade moral para empobrecer e impor brutal flagelo a todos os brasileiros?

Deixe uma resposta