Mensalão: Roberto Jefferson, julgado e beneficiado por delação

Os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) definiram hoje (28), sete anos e 14 dias de reclusão em regime semiaberto a pena do ex-deputado federal Roberto Jefferson, que recebeu aproximadamente R$ 4 milhões no esquema denominado mensalão.Jeferson foi condenado pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Por ser o delator do esquema, o presidente licenciado do PTB foi beneficiado com uma redução de pena de um terço. Sem a diminuição, Jefferson poderia ser condenado a 10 anos e seis meses, em regime fechado.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.